Cansaço do motorista pode ser a causa do acidente que matou quatro pessoas na BR 163

Postado dia 7/2/2014 | Tags:, , , | 0 comentário

O cansaço do motorista que conduzia o ônibus da Nova Integracao que tombou à margem da BR 163 próximo a divisa entre os municípios de Lucas do Rio Verde e Nova Mutum pode ser a causa principal do acidente. A confirmação é da Polícia Rodoviária Federal que ouviu diversos passageiros que estavam no veículo que fazia o itinerário Porto Alegre / Alta Floresta. Quatro pessoas, sendo três mulheres e um homem, morreram no local do acidente. As identidades ainda não foram confirmadas.

O agente da PRF Laurentino conversou com o motorista e com os passageiros. Ele disse que o condutor do ônibus confirmou ter cochilado momentos antes do veículo sair da pista, mas alega que um caminhão bitrem teria fechado sua passagem, forçando a manobrar e evitar a colisão. “A gente está investigando. Causas prováveis são a sonolência no volante e também a questão da ultrapassagem do caminhão. Os vestígios têm apontado para a questão da sonolência ao volante”, declarou o agente, que descartou ter havido problemas mecânicos no veículo de passageiros. Algumas vítimas afirmaram que o ônibus oscilou bastante em trechos anteriores. “Mostra que é mais um vestígio corroborando que ele (motorista) estava cochilando ao volante”, citou.
Havia trinta e oito passageiros no ônibus. Os feridos com menor gravidade foram socorridos em Nova Mutum. Outros dois, que ficaram presos entre as ferragens, tiveram que ser encaminhados para Lucas do Rio Verde. As quatro vítimas ficaram debaixo do ônibus.
“Quando a gente chegou tinha duas vítimas lá dentro com vida e quatro sem sinais vitais. A gente priorizou em retirar uma das vítimas, que tinha quadro de diabete e hipertensão e poderia evoluir. Aparentemente, são vítimas que estavam sem o cinto de segurança. Os que usavam sofreram arranhões e escoriações”, observou o soldado Eliseu, do Corpo de Bombeiros de Lucas do Rio Verde.
As vítimas fatais foram recolhidas por duas funerárias de Lucas do Rio Verde para preparar os corpos para o translado às suas cidades de origem.

Notícias Relacionadas




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *