Concessionária vai simular acidente com carga de produto perigoso na Raposo Tavares

Postado dia 11/12/2011 | | 0 comentário

A CART (Concessionária Auto Raposo Tavares), que administra o Corredor Raposo Tavares, vai realizar exercício simulado de acidente no transporte de produto líquido inflamável na próxima terça-feira, 13 de dezembro. O treinamento, com a participação de parceiros, será a partir das 9h, no km 542+500 da Rodovia SP-270 (Raposo Tavares), na pista Leste, no município de Regente Feijó.

O trânsito no local será desviado. A partir das 8h, para montagem do simulado, a CART fará a interdição da pista no sentido Leste e o fluxo de veículos passará pela alça de acesso a Taciba, retornando à SP-270 logo à frente. A normalidade viária estará garantida. A previsão é de que a pista seja liberada às 13h.

O desvio estará sinalizado com placas e com o Painel de Mensagens Variáveis, que será instalado no local. “Pedimos aos motoristas que, no local, redobrem a atenção e diminuam a velocidade, pois há uma curva acentuada na alça de acesso à Taciba”, orienta Cláudio Góes, coordenador de operações da CART no trecho do simulado.

O exercício envolverá um caminhão de transporte de combustível e um automóvel que transitam no sentido Leste. Na simulação, o veículo de passeio colide na traseira do caminhão-tanque. Com o impacto, o carro giro 360 graus, vindo a imobilizar-se na contramão de direção. Já o caminhão, após o impacto, tem seu tanque avariado e inicia-se assim o vazamento da carga transportada para o canteiro central.

O simulado terá quatro vítimas, uma fatal, uma em estado grave e duas em estado leve, todas do veículo de passeio. O exercício simulado de acidente é uma exigência da Agência Reguladora dos Transportes Públicos Delegados do Estado de São Paulo (Artesp) e é importante para a interação das equipes da CART com empresas parceiras e órgãos públicos de salvamento.

Interação das equipes
Neste exercício simulado, o terceiro realizado pela CART em 2011, o Corpo de Bombeiros atuará no combate ao incêndio com o caminhão-pipa e no socorro às vítimas. A São Francisco Resgate, que presta serviço para a CART, fará o atendimento pré-hospitalar e o resgate das vítimas. A Auto Socorro Lucca Jr., também prestadora de serviço à Concessionária, é encarregada de remover da pista os veículos envolvidos no acidente usando guinchos leve e pesado.

A Polícia Militar Rodoviária fará a sinalização do local do acidente e dará apoio ao exercício; a Construtora OAS fornecerá caminhão-pipa com água para simular o transportador de combustível. Já a Oxford Construções S.A fornecerá a retroescavadeira que será usada para fazer a bacia para conter o líquido inflamável que vazar do caminhão e, assim, evitar que o material cause maiores danos ao meio ambiente.
A Polícia Militar Ambiental e a Cetesb darão as orientações necessárias para evitar dano ambiental. A BC2 Construtora, outra parceira da CART, fará a limpeza da pista e dará destinação correta dos resíduos recolhidos. A Prefeitura de Regente Feijó participará fazendo a assistência ao exercício.

O simulado, completa Cláudio Góes, é um esforço conjunto para aferir e aprimorar procedimentos de salvamento. O local foi escolhido para a realização do exercício simulado de acidente porque é um trecho de tráfego intenso de caminhões que transportam carga de produto perigoso, principalmente etanol em função da concentração de usinas ao longo do Corredor.


Notícias Relacionadas


No tags for this post.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *