Ecovias quer limite de 40 km/h na Imigrantes em dia com neblina

Postado dia 28/9/2011 | | 0 comentário

Após o megaengavetamento com cerca de 300 veículos do último dia 15, a Ecovias decidiu propor a redução do limite de velocidade no sistema Anchieta-Imigrantes para 40 km/h, em pontos críticos, nos dias de neblina.

O pacote de mudanças, proposto pela concessionária após reuniões com integrantes do governo de São Paulo, abrange também duas novas restrições a caminhões quando houver baixa visibilidade.

Uma delas é obrigá-los a trafegar em fila única. Outra é a proibição nesses dias aos veículos com carga perigosa.

As medidas foram divulgadas ontem pelo diretor-superintendente da Ecovias, José Carlos Cassaniga, em depoimento na Assembleia Legislativa. Segundo ele, as propostas já têm a simpatia da Artesp, que regula as concessões –e que informou à Folha considerá-las “válidas”.

Mas elas precisam passar por aprovação formal, inclusive no DER (Departamento de Estradas de Rodagem). Cassaniga afirmou que, após reavaliar a possibilidade de comboios na subida da Imigrantes, concluiu que a operação “não é exequível”.

Ele argumenta não ter sido possível identificar pontos para reter os veículos na Baixada Santista e nos túneis da rodovia em dias de neblina.

RESPONSABILIDADE

Em seu depoimento, o diretor-superintendente da Ecovias afirmou aos deputados estaduais que a imprudência de alguns motoristas pode ter sido determinante no megaengavetamento.

Advogados ouvidos pela reportagem nas últimas semanas avaliaram haver responsabilidade da concessionária em ressarcir os prejudicados.


Notícias Relacionadas


No tags for this post.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *