Obras em 1.380 quilômetros de rodovias beneficiam 2 milhões de paranaenses

Postado dia 4/11/2013 | Tags:, , , | 0 comentário

Mais de 2 milhões de paranaenses serão beneficiados com a conclusão das obras que o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR) faz em 1.380 quilômetros de 21 rodovias do Norte e Norte Pioneiro do Estado. Em 43 trechos são feitos serviços de recuperação e conservação, para melhorar a segurança e o conforto dos motoristas e pedestres.

“Todos os trabalhos são para aumentar a segurança, a fluidez do trânsito e a vida útil dos pavimentos, além de proporcionar melhor escoamentos dos produtos dessas regiões, como soja, milho, trigo e cana-de-açúcar”, disse o superintendente da regional Norte do DER, José Ferreira Heidgger.

Obras.

Até o fim de 2014, o Governo do Estado vai investir R$ 180 milhões para recuperar as rodovias da região Norte. O investimento faz parte do maior programa de conservação de estradas do Estado, em que R$ 840 milhões são investidos para obras em 12 mil quilômetros.

Nos trechos são feitos microrrevestimento, reperfilagem, remendos superficiais e profundos e readequação das sinalizações, além de limpeza em valeta, bueiros, meio-fio, corte de vegetação, roçada manual e mecanizada. São obras que vão aumentar a durabilidade dos pavimentos e a visibilidade, evitando acidentes e transtornos a motoristas e pedestres.

TRECHOS – Na rodovia PR-092, próximo ao acesso a Wenceslau Braz até a entrada da BR-153, as equipes estão trabalhando no remendo superficial e profundo, drenos e microfresagem, em 71 quilômetros da estrada. O investimento é de R$ 12 milhões. Segundo o engenheiro do DER-PR, Leno Fachin, a obra deve ser concluída em março. “Já finalizamos a recuperação do asfalto, estamos na fase de sinalização na pista.”, disse.

Na PR-466, entre Borrazópolis e o Rio Bom, ao longo de 10 quilômetros, são executados remendo superficial e profundo, reperfeilagem e colocação de capa asfáltica, para aumentar a durabilidade do pavimento. O investimento nesse trecho é de R$ 2,9 milhões e a previsão de conclusão é dezembro.

E na PR-454, de Jaguapitanga a Astorga, numa extensão de 29 quilômetros, estão sendo executados serviços de remendos superficiais e profundos e microrrevestimento a frio. O investimento da obra é de R$ 6,8 milhões e o prazo é para fevereiro.

“São serviços que vão melhorar muito a condição e durabilidade dos pavimentos, corrigindo todas as imperfeições que estavam atrapalhando a segurança e fluxo dos veículos”, explicou o engenheiro Fachin.

CONCLUÍDOS – Outros dois trechos já foram acabados, Um é na PR-431 entre Ribeirão Claro e Jacarezinho, onde foram feitos revestimento asfáltico com massa quente ao longo da pista, por meio da retirada de asfalto antigo por uma nova camada. A obra teve investimento de R$ 4 milhões.

O outro trecho é na PR-090, entre Sapopema e Santa Cecília do Pavão, numa extensão de 56 quilômetros, foram feitos remendo profundo e superficiais, drenos e microrrevestimento em alguns pontos específicos. O investimento foi de R$ 12 milhões.


Notícias Relacionadas


Tags: , , ,



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>