Outras duas estudantes da FTC sofreram graves ferimentos na batida e permanecem internadas

Uma violenta colisão entre o Ford Fiesta JOK–7608 e um ônibus da empresa Águia Branca, que fazia a linha Salvador/Ilhéus, resultou na morte das estudantes Priscila Gomes Antunes, 24 anos e Tatiana Berbert Pitanga Franco, 23, que faziam o curso de administração na Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) de Itabuna. O acidente, ocorrido no km 23 da BR–415, sábado à noite, causou ainda lesões graves em Elimaiana Santos Santana e Larissa Prates Andrade, também universitárias.

As jovens ocupavam o carro de passeio e já se encontravam na entrada de Itabuna, depois de participarem de uma festa de confraternização entre colegas, realizada em Ilhéus. Das quatro, apenas a estudante Larissa não era formanda, mas faz o mesmo curso e foi convidada pelas amigas para participar da festa Ala da Saudade, último encontro estudantil da turma de 2004.

No retorno, por volta das 19h, Priscila Antunes perdeu o controle do Fiesta em uma curva e acabou se chocando de frente com o ônibus, que ainda arrastou o veículo por alguns metros. Ela e a carona Tatiana Berbert morreram na hora, enquanto Elimaiana Santana foi internada no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães e Larissa Andrade no Hospital Calixto Midlej de Filho, ambos em Itabuna.