A Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) divulgou nota, nesta segunda-feira, informando que a Justiça Federal de Brasília concedeu uma liminar às concessionárias de rodovias do Paraná, na última sexta-feira, contra os decretos de utilidade pública do Governo Estado, que pretendia desapropriar as ações das empresas.

De acordo com a ABCR, o Juiz Federal Francisco Neves da Cunha, da 16ª Vara de Brasília, observa que a desapropriação de trechos controlados pelas concessionárias contraria a Constituição Federal e que, para que o Governo do Paraná pudesse retirar trechos concessionados, seria necessária uma autorização do Presidente da República.

O Palácio Iguaçu ainda não se manifestou oficialmente sobre a decisão da Justiça Federal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui