Os motoristas que trafegam pela BR-467, no perímetro urbano de Cascavel, devem redobrar os cuidados por causa das obras de duplicação da rodovia. Ontem, o DER (Departamento de Estradas e Rodagem) fechou o acesso da rua Teobaldo Bresolin (ao lado da empresa Pioneira), que liga os bairros São Cristóvão, para a região norte da cidade, para a construção do viaduto no local. “O desvio do trânsito nesse local (Teobaldo Bresolin) é necessário para a continuidade das obras de duplicação da rodovia”, diz o superintendente regional do DER/Oeste, Milton Podolack Júnior.

Com o desvio, o tráfego de carro foi desviado para as ruas marginais, obrigando os condutores a aumentar um pouco mais o percurso para cruzar a rodovia nos dois sentidos (bairro-centro-centro-bairro). Os motoristas que já trafegam pela estrada também vão seguir pelo desvio feito pela empreiteira do trecho. “A gente pede um pouco de paciência aos motoristas e respeito à sinalização até que as obras sejam concluídas”, continua Podolack. A previsão do DER é que o tráfego retorne ao normal no local até o final do ano, quando a segunda etapa da duplicação da rodovia deverá ser entregue. Além do viaduto da Pioneira, devem estar prontos até o final do ano os viadutos da Jorge Lacerda, Barão do Rio Branco (Ceasa) e Avenida Piquiri. Para 2007, o DER projeta entregar os viadutos da Jacarezinho e da Avenida Rocha Pombo, concluindo a segunda etapa da duplicação da BR-467.