Porto Alegre – O Comitê de Acompanhamento das Obras de Infra-estrutura Viária da Região Metropolitana de Porto Alegre, coordenado pelo deputado Ronaldo Zülke (PT), reúne-se hoje (10), às 13h30, na sala Sarmento Leite (3º andar da Assembléia Legislativa) para entregar ao diretor geral do Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes (DNIT), Hideraldo Caron, documento com 90 sugestões de intervenções emergenciais, apresentadas durante o seminário SOS BR 116, realizado no dia 25 de agosto, em Canoas.

Ronaldo Zülke destaca entre as sugestões viáveis o controle operacional da rodovia, o estudo para redução do número de agulhas (acessos para pista central), adoção de mais uma faixa de tráfego na pista central, a regulamentação do tráfego de caminhões pesados (acima de 12 toneladas) nos horários de pico, melhorias na sinalização e campanhas de conscientização para o uso racional dos veículos, incentivando o transporte coletivo e o Trensurb.

O comitê também buscará junto a Caron informações atualizadas sobre o calendário das obras de melhorias na BR 116 (alargamento da Ponte sobre o rio Gravataí, viaduto de Sapucaia do Sul e viaduto do Rincão, em Novo Hamburgo) e da construção da BR 448, a Rodovia do Parque. Entre as obras estruturantes que o comitê acompanha figuram, além das melhorias na BR 116 e da construção da BR 448, a construção da RS 10, batizada de Rodovia do Progresso e a extensão do Trensurb até Novo Hamburgo.

“Com o crescimento da economia e do poder de compra dos brasileiros, teremos cada vez mais veículos de passeio e de carga em nossas rodovias. A BR 116, já saturada e com obras pesadas previstas para breve, terá sua situação agravada”, alerta o deputado. “É por isto que as obras estruturantes previstas devem ser precedidas de medidas imediatas”, justifica.