A Polícia Militar Rodoviária (PMR) finalizou na tarde de ontem a Operação Semana Santa, que havia sido iniciada na última quinta-feira, às 12h. O número de acidentes nas rodovias da região quase dobrou em relação ao ano passado. Apesar do aumento de colisões, a exemplo de 2003, os policiais registraram uma única morte no feriado de Páscoa deste ano.

A base operacional da Polícia Rodoviária de Franca é responsável por uma área que abrange 300 quilômetros de rodovias. Neste amplo trecho, foram registrados 13 acidentes de trânsito este ano, contra apenas sete no ano passado. Exatas 15 pessoas ficaram feridas em função das batidas, sendo que três delas se machucaram com gravidade.

O único acidente com vítima fatal durante o feriado prolongado aconteceu na tarde de quinta-feira. Como o Comércio já publicou, o motorista Delcides Aparecido Ferraz da Silva, 50, que morava em São José do Rio Preto (SP), morreu nas proximidades da Curva da Morte, em Rifaina, após capotar a carreta que ele conduzia.

Durante a Operação Semana Santa, os 45 homens da Polícia Rodoviária de Franca fiscalizaram 935 veículos e lavraram 386 autos de infração. Os policiais também removeram 14 veículos, recolheram 79 documentos e apreenderam cinco CNHs (Carteira Nacional de Habilitação).

Motorista é preso por omissão de socorro

Um grave acidente de trânsito registrado na madrugada da última sexta-feira no município de Capetinga (MG) provocou sérios ferimentos no francano FHH. A pessoa que teria provocado a colisão fugiu sem prestar socorro e foi presa pouco depois. O fato aconteceu por volta das 4h50 na rodovia MG 444, altura do km 14, nas proximidades do restaurante Ranchão.

De acordo com a polícia, FHH conduzia seu veículo Renault Furgão, branco, placas de Franca, no sentido Capetinga/Franca, quando veio a se chocar contra um caminhão Mercedes Benz, que transitava no sentido contrário. O motorista se evadiu após o acidente, deixando no local um macaco, um estribo e algumas outras peças. Em conseqüência da batida, FHH ficou preso entre as ferragens de seu veículo, sendo resgatado pelos Bombeiros de Passos. Ele foi socorrido à Santa Casa daquela cidade com diversas fraturas e escoriações pelo corpo. O caminhão foi abordado na rodovia MG 050, km 257, no município de Piumhi (MG), e o seu condutor, NT, foi preso e conduzido à cadeia local.

Na tarde de sábado, uma batida violenta entre um Chevette e um Golf, na rodovia Fábio Talarico, que liga Franca a São José da Bela Vista, machucou seis pessoas. Ninguém se feriu com gravidade, mas os carros foram destruídos.

Desastre em Orlândia mata três pessoas

Um grave acidente de trânsito culminou com a morte de três pessoas em Orlândia, domingo. A tragédia aconteceu por volta das 14h30 na altura do km 374 da rodovia Anhangüera, entre Orlândia e São Joaquim da Barra. Segundo a polícia, chovia muito na hora do acidente e um veículo Celta, com placas de Goiânia (GO), teria aquaplanado e atravessado o canteiro central. Ao invadir a pista contrária, bateu na lateral de uma caminhonete.

Todos os ocupantes do Celta, Edilson Sebastião Fraga Guimarães, 46, Cárita Pinto da Silva, 41, e a motorista, Sandra Gomes da Silva Fraga, 48, morreram na hora. As vítimas do acidente fatal moravam em Goiânia. Já as três pessoas que estavam na caminhonete, todas de Ribeirão Preto, sofreram ferimentos leves. De acordo com o sargento Pedro Neto, da Polícia Rodoviária, quando as equipes de socorro chegaram ao local do acidente nada mais podia ser feito. Os dois carros sofreram danos de grande monta e os bombeiros tiveram muito trabalho para retirar as vítimas das ferragens.

Outro acidente, este envolvendo o filho do prefeito de Barretos, Uebe Rezeck Filho, no sábado, ocasionou a morte de uma pessoa naquela cidade. Rezeck Filho teria perdido o controle de um Astra na rotatória da rodovia Pedro Vicentini e batido o carro em um barranco. A estudante Ana Paula de Sales, 22, que havia viajado de São Paulo a Barretos para passar o feriado de Páscoa com a família, não resistiu aos ferimentos e morreu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui