Dois suspeitos de ataques a ônibus na rodovia que liga a Capital à Serra (BR-116) foram reconhecidos e presos na tarde desta terça, dia 9, em um dos coletivos da empresa Wendling, em Estância Velha, no Vale do Sinos. O motorista enxergou em meio aos demais passageiros o jovem de 21 anos e o adolescente de 16 que teriam assaltado o veículo há duas semanas e os apontou a um soldado da Brigada Militar, fardado, que viajava até o trabalho, em São Leopoldo.

O PM acionou os colegas pelo número 190 e, quando o ônibus foi cercado, às 15h30min, já havia rendido os dois suspeitos. Com eles, foram apreendidos um revólver calibre 38 e um punhal. Ambos foram levados para a Delegacia da Polícia Civil, para novos reconhecimentos. O rapaz foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma. O adolescente seria apresentado ao Ministério Público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui