O Núcleo Gestor do Plano Diretor Participativo (PDP) de Criciúma, representantes das regiões, de entidades e comunidade em geral participaram na noite de ontem(15) de audiência pública que discutiu o macrozoneamento da faixa lindeira do município a BR-101. O arquiteto e urbanista Wagner Gustavo Linzmayer , representando as empresas que venceram a licitação para elaborar este projeto, o consórcio Hardt e Engemin , apresentou o andamento e explicou como será a análise e o planejamento de todo o trabalho, já que a discussão da revisão do Plano Diretor está avançada no município.

Segundo Linzmayer, o processo visa estabelecer normas para a organização territorial numa faixa de 200 metros em cada lado da rodovia de domínio de municípios lindeiros a BR-101 no trecho sul, disciplinar o atual quadro de ocupação, com as alterações de potencialidades devido à duplicação, buscando o desenvolvimento sócio-econômico destas cidades. Esta é a primeira audiência pública realizada na cidade, com a intenção de fazer o levantamento de informações e análise das potencialidades.

Após esta etapa, as informações serão compiladas e na próxima fase serão apresentadas as análises e diagnoses. Outras etapas são de elaboração de propostas, proposição de legislação e acompanhamento até sua aprovação.

A presidente da Codepla, Tânia Barcelos Nazari , vê a medida como uma forma de utilizar a terra às margens da BR-101 da forma mais adequada possível. “