A rodovia PE-95, que liga Passira a Limoeiro, no agreste pernambucano, teve um trecho interditado ontem durante 9 horas por 100 sem-terra ligados ao MST. Eles reivindicam a suspensão de um mandado judicial de reintegração de posse de área ocupada por cerca de 40 famílias, em Passira.

A estrada foi liberada após o Incra marcar uma reunião. No município metropolitano de São Lourenço da Mata, 60 famílias continuam no Engenho São João, do grupo Votorantim. Anteontem, os sem-terra resistiram ao despejo. Aguardada para ocorrer ontem, a reintegração de posse ainda não foi cumprida.