Campo Grande (MS) – Técnicos do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS) estão esta semana, em Paranaíba, a 410 km da Capital, participando de uma série de atividades ligadas ao trânsito. A cidade é a primeira a receber as ações do Detran-MS, que fazem parta da Semana Nacional do Trânsito.

Nesta segunda-feira (1º), pela manhã, será realizada um passeata com alunos das escolas públicas e privadas da cidade e condutores de veículos pelas principais vias da área central da cidade. Ao mesmo tempo, na Praça da República, o Corpo de Bombeiros fará uma simulação de acidente com resgate de vítimas.

Técnicos da Cidade Escola de Trânsito – Detranzinho, também estarão na Praça da República, durante todo o dia, desenvolvendo atividades de educação de trânsito como jogos educativos, pinturas faciais ilustrando sinais de trânsito e passeios no buggy do Detranzinho. O objetivo é atingir as crianças, que fazem parte do tema da Semana Nacional do Trânsito, neste ano.

As atividades se encerram com a realização de um seminário para debater temas relevantes para trânsito de Paranaíba. “A intenção é debater temas do presente pensando em contribuir com um futuro melhor para o trânsito local”, explica a diretora de Habilitação e Educação de Trânsito, Elizabeth Felix, que vai fazer a abertura do evento, representando o diretor-presidente do Detran-MS, Carlos Henrique Santos Pereira.

O coronel da PM Carlos Alberto Pereira vai ministrar a palestra com tema “Álcool e Acidentes de Trânsito: uma questão de respeito e ética” e o diretor de Engenharia e Segurança de Trânsito do Detran-MS, João Neves Chamorro, vai ministrar a palestra “Sinalização Viária: intervenção da Engenharia e da Educação”. O seminário será no auditório do Rotary Club, que fica na rua Franklin Augusto Sales, 590, no Centro, a partir das 19 horas.

Paranaíba

O município conta com uma população de aproximadamente 60 mil habitantes, segundo a prefeitura municipal. Desse total, 26.380 são condutores habilitados. No ano passado (2007) ocorreram 311 acidentes de trânsito na cidade. Uma pessoa morreu e 144 ficaram feridas. De janeiro a julho deste ano foram 123 acidentes de trânsito, 50 feridos e nenhuma morte.

Segundo dados da prefeitura municipal, 80% da cidade é asfaltada. O município conta, ainda, com cinco mil quilômetros de estradas vicinais e sete mil quilômetros de rodovias, entre elas três rodovias federais (BRs 158, 497 e 483), duas estaduais (MS-240 e MS-377), e municipais.