O Piauí ficou em 1º lugar dente as piores, com a estrada PI 140, Floriano Recentemente a revista “Guia de Quatro Rodas” colocou as estradas Piauienses entre as piores do Brasil, onde segundo a revista o motorista enfrenta o desafio de quilômetros e quilômetros de buracos, falta de sinalização e animais soltos na pista.

Foi feito um ranking das 10 piores malhas rodoviárias brasileiras, para isso a equipe de repórteres da revista percorreu cerca de 250 mil quilômetros de estradas pelo país. Com as informações apuradas o Piauí ficou em 1º lugar dente as piores, com a estrada PI 140, Floriano, divisa Piauí/ Bahia, que apresenta mais de 325 quilômetros de buraqueira.

O problema não é de hoje, apesar dos vários investimentos por parte do governo as estradas do Piauí continuam aos pedaços, causando transtornos, afetando o comercio e ocasionando muitos acidentes.

Dentre as rodovias que mais precisam de auxilio está a estrada que liga Itainópolis a Vera Mendes, onde já aconteceram vários acidentes, no entanto as condições da rodovia continuam as mesmas, mais de 50 quilômetros sem asfaltamento cheias de barrancos e muita poeira. A estrada liga vários municípios, dentre eles, Itainópolis, Vera Mendes e Isaias coelho, mesmo assim continua sem assistência.

No Mês de maio desse ano, ocorreu um acidente grave nessa estrada, envolvendo três pessoas que saíram de Isaias Coelho em direção a Picos, os dentistas Caio Raulino e Fabio Portela além do estudante Erickson. O acidente que ocorreu por volta das 14h00min, aconteceu quando o motorista desviou de um buraco, levando o automóvel a cair em um dos vários barrancos da estrada, o carro capotou cerca de três vezes, deixando a lataria toda amassada, felizmente nenhum dos passageiros teve ferimentos graves.

As reclamações por parte dos motoristas e cidadãos que transitam por tais estradas são constantes, principalmente no inverno, quando as rodovias ainda não asfaltadas ficam alagadas e lamacentas, dificultando o transito, causando atolamentos e facilitando imprevistos.