Para garantir a segurança e o combate à prática de crimes eleitorais nas estradas maranhenses, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou, desde a última quinta-feira, a “Operação Eleições 2008”. Ontem, às 14h, uma grande fiscalização foi realizada na barreira de Pedrinhas, envolvendo a PRF, a Polícia Federal e a Polícia Militar.

A ação, que mobiliza 268 policiais da RPF em todo o estado, terminará só no dia 6, às 20h. “Nosso objetivo é garantir a segurança de quem vai pegar a estrada para ir votar, como também dos que vem à capital também para participar das eleições. Não vamos divulgar os horários das ações, para que haja o elemento surpresa. Mas haverá fiscalização durante as 24h do dia”, alertou o inspetor Eduardo Mendonça, que está respondendo interinamente pela Superintendência durante a operação.

Quanto ao combate à prática de crimes eleitorais nas estradas, o inspetor afirmou que a PRF vai intensificar a fiscalização em ônibus, vans e carros comuns que tiverem transportando eleitores, para um candidato específico. “Apesar de ser um crime difícil de se detectar, quando não houver denúncias, vamos verificar a documentação dos veículos, para saber se é fretado, entrevistar os passageiros e ver seus títulos de eleitor, para saber se todos estão indo votar na mesma cidade”, informou.

Lei Seca – Caso for necessário, o bafômetro também será usado durante a Operação, segundo informou o inspetor Mendonça. “Em todos os nossos postos, espalhados nas principais vias do estado, nós temos bafômetro, e se for necessário vamos usá-lo. Toda malha viária será fiscalizada, e para isso, mobilizamos todo o efetivo operacional e também administrativo da PRF”, garantiu.