A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou ontem o balanço final da “Operação Eleições 2008”, que se estendeu da sexta-feira até às 24 horas do domingo. Foram registrados no período 21 acidentes que deixaram 14 feridos e três mortos. Foram aplicadas 425 notificações e 29 pessoas foram detidas, a maioria por crime eleitoral.

Segundo o setor de Comunicação Social da PRF, três carros roubados foram recuperados durante as fiscalizações e uma arma apreendida. “Durante esse período, a Polícia Rodoviária Federal intensificou a fiscalização em todas as rodovias federais do estado, dando ênfase nas rodovias mais movimentadas, ou seja, àquelas próximas a Natal, Currais Novos, Caicó e Mossoró. Foram utilizadas equipes extras para fortalecer a fiscalização”, explicou a PRF.

O primeiro acidente grave aconteceu às 10h45 do dia sábado, no Km 173,5 da BR-304, em Lajes. Um Ford KA dirigido por Genivaldo Ferreira da Silva, 39 anos, colidiu com uma picape S-10. O motorista do carro de passeio morreu no local. Às 17 horas do sábado, no Km 61,8 da BR-226, em Serra Caiada, um Corsa atropelou o ciclista Francisco José da Silva, que faleceu no local. O motorista não foi identificado.

Das 29 pessoas detidas, 11 foram por crime eleitoral, nove por embriaguez, quatro por entregarem a direção de veículo a pessoas não habilitadas, duas por adulteração de numeração de motor e chassi de veículos e uma nas situações de por porte ilegal.