As horas que antecederam a manhã de ontem foram de tensão nas rodovias federais de Alagoas. Na BR-101, homens não identificados fizeram arrastão num posto de gasolina e assaltaram um caminhão que transportava arroz com casca de Sergipe para a Paraíba. Na BR-316, mais um caminhoneiro foi vítima da violência que transforma as estradas alagoanas em zonas de perigo. As ações ocorreram de forma isolada, mas a polícia suspeita que sejam praticadas por um grupo de 20 homens que, há alguns meses, rouba cargas entre os Estados de Alagoas, Sergipe e Pernambuco.

“Esse bando vem sendo monitorado há um certo tempo e é oriundo do sistema penitenciário. São presos que fogem, se juntam e formam quadrilhas que se especializam nesse tipo de crime”, destaca o comandante de Policiamento do Interior, coronel Marcos Brito ao afirmar que a greve dos policiais civis tem sido um dos grandes obstáculos para o êxito das investigações.