Até o mês de novembro, personagens infantis estarão nas ruas das cidades levando informações sobre os cuidados que se deve ter ao transportar crianças em carros, ônibus, trens e metrô.

Hoje, a violência no trânsito mata, por ano, quase 35 mil crianças entre 1 e 9 anos. A maioria dos acidentes ocorre por imprudência dos motoristas que, ou dirigem embriagados, ou transitam com o carro em más condições. O ministro das Cidades, Márcio Fortes, já garantiu para o ano que vem R$ 120 milhões para mais campanhas de conscientização. O ministro da Saúde lembra que estudos do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revelam que o Brasil gasta quase R$ 6 bilhões por ano com acidentes de trânsito.

A morte de crianças por acidentes de trânsito está na contramão do esforço do Ministério da Saúde para reduzir a mortalidade infantil. Em 1990 para cada 1000 crianças que nasciam, 47 morriam. Em 2006 essa taxa caiu para 25 mortes por 1000 nascimentos.