Prefeito Gildo Bianchi e o secretário Josimar percorreram a MT 322 preocupados com a situação
As fortes chuvas deste final de semana castigaram a rodovia estadual que liga os municípios de Peixoto de Azevedo e Matupá ao distrito União do Norte.

Alguns bueiros não resistiram a vazão de água e estouraram. Em vários trechos a MT-322 foi cortada pela enxurrada em virtude da elevação do Rio Peixotinho dificultando o tráfego de veículos de pequeno e grande porte.

As péssimas condições das pontes também causam insegurança e muita indignação nos motoristas devido ao descaso do governo do estado para com esse corredor de escoamento de produção agrícola, pecuária e madeireira.

Pontes ficaram submersas, o transporte coletivo comprometido, transitar nesta estrada neste período do ano é uma verdadeira aventura. Chamamos a atenção dos parlamentares da região e do governo de Mato Grosso, pois União do Norte é o maior projeto de assentamento da América Latina e conta com mais de 10.000 habitantes – e se a chuva persistir várias comunidades poderão ficar ilhadas – causando grandes transtornos para a economia já que se concentra ao longo desta rodovia o maior rebanho bovino, que por sua vez garante as atividades dos dois maiores frigoríficos da região, mas principalmente para população que poderá ter problemas relacionados a assistência médica, transporte escolar, abastecimento de alimentos, dentre outros.