A Secretaria de Estado de Obras Públicas e de Transportes (Seop) mantém nesta semana (22 a 27 de setembro) os trabalhos do Programa de Melhorias das Vias Estaduais. O cronograma, criado desde o início da gestão, segue a previsão de rotatividade permanente, cujo objetivo é dar assistência às mais de 438 rodovias estaduais.

O programa prevê serviços permanentes tanto nas rodovias pavimentadas como nas vicinais. As pavimentadas recebem serviços de tapa-buracos, com a utilização de CBQU (Concreto Betuminoso Usinado a Quente) e sinalização. Já nas estradas não pavimentadas são executados serviços de recuperação de raspagem mecânica, revestimentos primários e cascalho.

Para agilizar o processo de recuperação das estradas, a Seop adotou – junto às regionais – um programa de malha integrada, ou seja, as equipes executam os serviços obedecendo a uma seqüência – para evitar um possível efeito “pula-pula”, ganhando, com isso, tempo e melhorando assim os resultadoos.

O programa, de acordo com o secretário de Obras, Edson Giroto, aumenta a capacidade de tráfego e a segurança nas rodovias. “Concentramos esforços na melhoria de infra-estrutura, através de levantamentos técnicos em que foram detectados quais pontos os críticos da rodovia e em quais deveriam atuar para recuperar sua trafegabilidade”, explicou.