Outro caminhão tomado de assalto foi recuperado pela polícia do Oeste do Estado. Desta vez integrantes do Tático Móvel Rodoviário, da Polícia Rodoviária Estadual, foram os responsáveis pela prisão do bandido e recuperação do veículo, que foi localizado no KM 357 da rodovia PR-180, município Juvinópolis, na madrugada de ontem.

O desempregado Genivaldo Tenório de Araújo dirigia o caminhão e foi preso em flagrante. Segundo a polícia, o veículo foi abordado em uma operação de rotina. Enquanto vistoriavam o caminhão, os policiais acabaram constatando que o lacre da placa estava rompido. Ao checaram os números, os patrulheiros verificaram que o caminhão Mercedes Benz de placas JJB-6064 havia sido roubado no município de Lajeado, estado do Rio Grande do Sul.

Depois de apreendido, o caminhão foi levado juntamente com o motorista para o Posto de Fiscalização da rodovia BR-467. Quando confeccionavam o boletim de ocorrência, um segundo homem chegou no posto. Ele também acabou preso. Segundo a Polícia Civil, o ex-policial civil Adilson Dilmar Dudeck teria ido até o posto por indicação de um advogado, com quem trabalha atualmente. Porém, como ainda estava portando sua identidade funcional de policial civil, Adilson acabou sendo detido por integrantes da Promotoria de Investigação Criminal. Levado à 15ª SDP, o ex-policial foi ouvido e liberado.

Polícia Civil – Duas grandes quadrilhas de roubo de cargas e de caminhões já foram desarticuladas pelas polícias Civil e Militar da região Oeste do Estado nos últimos 20 dias. O primeiro registro se deu no último dia 3, quando policiais civis de Cascavel e Toledo conseguiram prender cinco homens ligados diretamente com os roubos. A quadrilha tinha como base de operações uma fazenda localizada no interior do município de Nova Santa Rosa, há cerca de 60 quilômetros de Toledo.

No local, além de encontrarem agrotóxicos de uso proibido no Brasil, várias placas de caminhões, plaquetas e pinos utilizados para remarcação de chassi, pistolas, revólveres, espingardas, algemas e capuzes usados nos assaltos, os investigadores também localizaram caminhões que foram roubados na região e uma carga de açúcar de aproximadamente 27 toneladas.

Polícia Militar – Menos de 48 horas depois, outros 14 envolvidos com este tipo de crime foram presos por policiais militares dos municípios de Toledo, Assis Chateaubriand, Marechal Cândido Rondon e Nova Santa Rosa. Na ocasião, um dos marginais declarou que os veículos roubados eram estacionados no pátio de um posto de combustível de Marechal Cândido Rondon para depois ser apanhado pelos demais quadrilheiros. Segundo a Polícia Militar, o estabelecimento utilizado pelos marginais foi identificado como Posto Stop, de propriedade de Hélio Laurindo, ex-prefeito da cidade de Três Barras do Paraná, atualmente residindo em Cascavel, onde também atua no setor de combustíveis e de Tv a cabo.

Recuperado – Um outro caminhão roubado no Rio Grande do Sul também foi recuperado na região Oeste na terça-feira. A polícia informou que o veículo foi localizado abandonado em um posto de combustível do município de Santa Lúcia. Segundo a PM, o Mercedes Benz cor azul, de placas KCY-7245-Caxias do Sul, RS, foi roubado quando o motorista deslocava de Caxias do Sul para Santa Cruz, nas proximidades da praça de pedágio.Na ocasião, dois indivíduos adentraram na cabina do caminhão rendendo o condutor e levando o caminhão e o motorista como refém.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui