Taxistas brasileiros, argentinos e paraguaios, com o apoio de agentes de turismo dos três países, bloquearam nesta segunda-feira a ponte Tancredo Neves, que liga Foz do Iguaçu, no Brasil, à Puerto Iguazu, na Argentina. É a segunda vez, em uma semana, que os taxistas bloqueiam a ponte.

Nesta segunda-feira, o bloqueio começou às 9h30 da manhã, com os manifestantes impedindo o trânsito entre os dois países. Eles protestam contra uma taxa, cobrada pelo governo argentino, para a entrada e saída do país. A taxa é de R$ 8 por veículo, toda vez que se atravessa a fronteira argentina.

No final da tarde, os manifestantes impediram também o trânsito de pedestres pela ponte. Eles afirmam que só irão liberar a trânsito entre os dois países quando a taxa for revogada.

A Argentina é o único país da tríplice fronteira (Brasil, Argentina e Paraguai) a cobrar este tipo de taxa. A aduana argentina informou que a taxa é legal e prevista pela legislação argentina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui