Pelo segundo dia consecutivo, integrantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) fecharam o trevo de ligação entre as BRs 470 e 116, no município de São Cristovão do Sul, Planalto Serrano. Cerca de 800 pessoas participaram da manifestação, que teve início às 8h30 e terminou às 10h30. Por conta do fechamento, filas com mais de seis quilômetros se formaram em cada um dos quatro sentidos das duas rodovias. Por volta das 17h30, eles voltaram a fechar o trevo. Cerca de 30 policiais acompanharam o movimento a distância.

Durante a paralisação, os integrantes do MAB distribuíram aos motoristas panfletos onde explicavam o motivo do fechamento da rodovia. “Só a partir de ações como esta é que conseguimos chamar a atenção da sociedade para os nossos problemas”, declarou um dos coordenadores nacionais do MAB, Delmar Jaguszewski. Ele lembrou que apenas na barragem de Campos Novos cerca de 280 famílias atingidas não estão tendo seus direitos reconhecidos pela empresa responsável pela obra. As manifestações devem continuar ao longo desta semana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui