Ontem, quinta-feira (26/06) a Polícia Rodoviária Federal registrou oito acidentes nas BRs de Mato Grosso. Catorze veículos e trinta e nove pessoas se envolveram nos acidentes. Sete pessoas ficaram feridas e uma pessoa morreu.

Quarenta e dois Policiais Rodoviários Federais trabalharam no plantão de ontem nos dezessete postos de fiscalização que a PRF tem em Mato Grosso. Foram fiscalizados 345 veículos, 01 veículo foi retido por irregularidade, 03 pessoas foram detidas, 02 apreensões de droga foram efetuadas, 04 usuários das rodovias receberam auxílio das viaturas em ronda e 31 multas de trânsito foram aplicadas.

O veículo Volvo FH 12, placas JZQ 1532 Eneas Marques – PR, conduzido por Ailson Francisco de Brum, de 39 anos seguia de Cuiabá para Alto Araguaia. No km 73,2 da BR 364, o condutor perdeu o controle da direção do veículo que tombou. O condutor nada sofreu. Uma mulher que viajava de carona no veículo, aparentando ter entre 30 e 35 anos de idade e que não foi identificada pela PRF por não estar portando nenhum documento, não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente.

Em Várzea Grande, no km 434 da BR 364, a equipe da 1ª delegacia/Cuiabá fez a abordagem ao veículo GM Corsa, placas JZL 9565 Poconé – MT, conduzido por João Clovis Alves Orto de Lima, de 46 anos. Durante a fiscalização foi verificado que ele tinha contra si um mandado de prisão em aberto. João foi detido e conduzido para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania do Parque do Lago, em Várzea Grande/MT.

Em Primavera do Leste, no km 295 da BR 070, a equipe da 5ª delegacia fez a abordagem ao veículo Volvo NL 12, placas NBR 7734 Porto Velho – RO, conduzido por Geraldo Gebieluca, de 48 anos. Ele foi acusado por João Batista Pereira Pio, servidor público estadual que presta serviços na balança de pesagem localizada na MT 130, de ter cometido contra ele crime de preconceito de cor (racismo). Segundo João Batista, há cerca de um mês ele abordou Geraldo e o flagrou transportando duas toneladas de excesso de peso. Ontem ao abordar Geraldo novamente, ele disse que João só estava fazendo aquilo porque era preto. Como a agressão verbal foi testemunhada, João denunciou Geraldo que foi detido e conduzido para a Delegacia da Polícia Civil em Primavera do Leste/MT.

Em Barra do Garças, no km 789 da BR 158, a equipe da 8ª delegacia fez a abordagem a um ônibus que seguia de Porto Velho/RO para Brasília/DF. Durante a fiscalização foi encontrada embaixo de uma das poltronas, uma bolsa contendo 5,250 kg (cinco quilos, duzentos e cinqüenta gramas) de pasta base de cocaína. Como não foi possível identificar o proprietário da bolsa, um policial foi infiltrado entre os passageiros na tentativa de localizar o traficante. O ônibus seguiu viagem e ao chegar na rodoviária de Aragarças/GO, um passageiro suspeito desembarcou do ônibus e foi abordado em seguida por policiais que estavam monitorando o ônibus. Ele foi identificado como Ricardo Henrique Lima Ramos, de 23 anos. Em sua mochila foram encontrados 965 gramas de pasta base de cocaína. Ricardo tinha contra si um mandado de prisão em aberto expedido pela Justiça do estado de Goiás, já cumpriu pena por tráfico de drogas e atualmente deveria estar cumprindo pena em regime semi-aberto em Goiânia/GO. Como ele não tinha nenhuma relação com a droga localizada anteriormente e não foi possível identificar quem seria o outro traficante, o ônibus com todos os seus ocupantes foi conduzido para a Delegacia da Polícia Federal em Barra do Garças/MT.