COLISÃO FATAL: Grave acidente na Dutra (BR-116), na madrugada desta quinta (16), deixou quatro pessoas mortas e duas feridas. Foto: Divulgação

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), ocorrência foi num trecho onde havia interdição por conta de obras; grupo de amigos voltava de um evento

Um grave acidente no Km 113 da Via Dutra (BR-116), em Taubaté, no Vale do Paraíba (SP), deixou quatro pessoas mortas e duas feridas, após a colisão envolvendo um carro e dois caminhões, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Ainda de acordo com a PRF, as vítimas fatais são três mulheres e um homem, que voltavam de um bingo quando o acidente aconteceu. Os agentes informaram que a colisão foi por volta de 0h30 no sentido São Paulo, num local onde estava interditado por conta de obras no local, e o trânsito era desviado da rodovia por uma via por dentro da cidade.

Conforme declaração da PRF, um caminhão não percebeu a lentidão e bateu na traseira do carro que estava parado no congestionamento. Com a choque, o carro foi prensado contra outro caminhão que estava à frente.

O motorista do veículo e três passageiros não resistiram aos ferimentos e morreram no local. Uma quinta passageira, que estava no banco de trás, foi resgatada com escoriações e socorrida para o Hospital Regional de Taubaté.

Bingo

Segundo o familiar de uma das vítimas, o grupo de amigos tinha ido a uma noite de bingo. Elas voltavam para casa com o marido de uma delas na direção quando o acidente aconteceu.

De acordo com a PRF, os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) e as famílias estão fazendo o reconhecimento na manhã desta quinta-feira (16). A vítima que foi socorrida teve alta médica na manhã desta quinta.

O motorista do caminhão que atingiu as vítimas, de 32 anos, também foi socorrido com ferimentos e levado ao Hospital Regional. O estado de saúde não foi divulgado. O veículo tinha placa de Cachoeira do Itapemirim, no Espírito Santo.

Em nota, a prefeitura de Taubaté, responsável pela obra, lamentou o ocorrido e informou que o trecho estava sinalizado quando o acidente aconteceu e que as obras foram paralisadas em seguida.

A concessionária responsável pela rodovia informou que a interdição atende aos padrões e protocolos de sinalização noturna, com homens-lanternas e viaturas da PRF.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui