O motorista de uma carreta com produto tóxico, perdeu o controle do veículo no Anel Viário de Belo Horizonte, Minas Gerais, derrubou a mureta que divide as pistas, causando acidente com três veículos que vinham em sentido contrário.Pista no sentido Vitória ficou completamente interditada.

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), o motorista da carreta carregada de hidróxido de amônio, que havia saído de Paulinia, em São Paulo com destino à Jaboatão dos Guararapes, em Pernambuco, quando perdeu o controle do veículo na altura do KM 10, bateu na mureta de proteção e atravessou a pista, atingindo outros três carros que seguiam em sentido contrário.

José Geraldo Rezende, de 61 anos, motorista do Fiat Fiorino não resistiu aos ferimentos e morreu na hora. Não houve registro de outros feridos.

Conforme o Corpo de Bombeiros, a carga da carreta chegou a vazar na pista após o impacto da colisão, no entanto, os militares realizaram um perímetro de segurança, que impediu a contaminação. A carreta permaneceu no local e o Corpo de Bombeiros entrou em contato com a empresa, que não teve o nome divulgado, para que seja feito o transbordo da carga.

O caminhão não apresentava nenhuma sinalização de que transportava material perigoso, o que é obrigatório para o transporte de substâncias como hidróxido de amônio, segundo os bombeiros.A pista somente foi liberada no final da noite, após a retirada da carreta e da carga perigosa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui