PREPARE OS BOLSOS: Governo de SP autoriza o início de mais sete praças de pedágio no interior do Estado, a partir de 0h desta quinta (12). Foto: Divulgação/Eixo SP

Governo de SP publicou nesta quarta (11) Despacho que homologa o início da cobrança em mais sete de pedágios da concessionária; novos valores entram em operação à 0h desta quinta (12)

A Eixo SP iniciará nesta quinta-feira (12), a partir da 0h, a cobrança de tarifas em mais sete novas praças de pedágio no interior de São Paulo, conforme autorização publicada no Diário Oficial do Estado, nesta quarta-feira (11).

De acordo com o Despacho da Secretaria de Transportes do Estado, a autorização dada pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delagados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) ocorre após o cumprimento contratual de melhorias no pavimento e na sinalização, além da estrutura de serviços oferecida, inseridas no Programa Intensivo Inicial (PII).

Diante disso, a empresa inicia a cobrança nas seguintes rodovias:

  • Rodovia Comte. João Ribeiro de Barros (SP-294), km 367+800 – Piratininga
  • Rodovia Comte. João Ribeiro de Barros (SP-294), km 425+700 – Garça
  • Rodovia Comte. João Ribeiro de Barros (SP-294), km 623+100 – Pacaembu
  • Rodovia Comte. João Ribeiro de Barros (SP-294), km 670+800 – Santa Mercedes
  • Rodovia Lourenço Louzano (SP-293), km 2 – Cabrália Paulista
  • Rodovia Manílio Gobbi (SP-284), km 458+300 – Paraguaçu Paulista
  • Rodovia Dep. Amauri Barroso de Souza (SP-304), km 255+800 – Torrinha

Desconto para usuário frequente

De acordo com a concessionária Eixo SP, usuários que viajam pelas 12 rodovias administradas terão descontos por uso contínuo. O Desconto de Usuário Frequente (DUF) entrará em funcionamento também nas sete praças a serme inauguradas nesta quinta (12).

Ainda de acordo com a empresa, a inovação está integrada às operadoras do sistema eletrônico de pagamento de pedágio. Na prática, o desconto para veículos de passeio (categoria 1) começa a contar a partir da segunda passagem realizada na mesma praça de pedágio, no mesmo sentido de fluxo e dentro de um mesmo mês calendário.

A redução progressiva ocorre até a 30ª viagem no mês, conforme percentual fixo de redução em relação à tarifa cobrada na viagem anterior, até atingir a Tarifa Mínima determinada para o pedágio, dentro de um mesmo mês calendário. A partir da 31ª viagem no mês, a Tarifa Mínima será cobrada em todas as viagens adicionais até o final do respectivo mês calendário. Os valores serão descontados automaticamente para o pagamento da fatura enviada pela operadora da tag instalada no veículo.

Velocidade é de 40km/h

Aos condutores ‘apressadinhos’, fica o alerta: todas as praças de pedágio contam também com lombadas eletrônicas nas pistas automáticas e mistas. Portanto, quem desrespeitar o limite de velocidade estabelecido – que é de 40 km/h – estará passível de multa.

Agora só falta mais 1

Em menos de um mês, o Governo deSao Paul autrizou a cobrança em 15 das 16 novas praças de pedágios previstas para a concessão da Eixo SP. Agora, fica faltando somente a autorização para o início de cobrança na praça do km 215+100 da SP-304, em São Pedro.

Quando assumiu a concessão do Lote PiPa, entre Piracicaba e Panorama, na divisa com o estado do Mato Grosso do Sul, em 4 de junho de 2020, a concessionária Eixo SP já tinha conhecimento da implantação de 16 novas praças espalhadas em sua malha viária, a maior entre todas as concessões privadas no Brasil: 1,273 quilômetros de rodovias.

Veja o local das novas praças, e apenas 1 aguarda autorização:

Município

Rodovia

KM

Status  

Piracicaba

SP-308

182+250

Em operação

São Pedro

SP-304

183+400

Em operação

São Pedro

SP-304

215+100

Em breve

Torrinha

SP-304

255+800

12/8/21

Piratininga

SP-294

367+800

12/8/21

Garça

SP-294

425+700

12/8/21

Oriente

SP-294

474+800

Em operação

Parapuã

SP-294

551+700

Em operação

Inúbia Paulista

SP-294

581+700

Em operação

Pacaembu

SP-294

623+100

12/8/21

Santa Mercedes

SP-294

670+800

12/8/21

Martinópolis

SP-425

400+100

Em operação

Indiana

SP-425

436

Em operação

Rancharia

SP-284

531+200

Em operação

Paraguaçu Paulista

SP-284

458+300

12/8/21

Cabrália Paulista

SP-293

2

12/8/21

Valores que serão cobrados, a partir de 0h de quinta (12):

Rodovia Localização (km) Município Carros de passeio

Mnual / Automático

SP-294 367+800 Piratininga R$ 9,70 / R$ 9,21
SP-294 425+700 Garça R$ 8,80 / R$ 8,36
SP-294 623+100 Pacaembu R$ 6,60 / R$ 6,27
SP-294 670+800 Santa Mercedes R$ 5,10 / R$ 4,84
SP-293 2 Cabrália Paulista R$ 2,90 / R$ 2,75
SP-284 458+300 Paraguaçu Paulista R$ 6,00 / R$ 5,70
SP-304 255+800 Torrinha R$ 5,70 / R$ 5,41

 

14 COMENTÁRIOS

  1. Que Brasil é esse?que suga todo dinheiro do frete em imposto.em pedágios em multas? Isso aqui não é democracia é pior que a ditadura.é opressão.onde vamos parar com tanta cobrança.eu como camioneiro não quero mais levar mercadorias para o estado de São Paulo ou Paraná.e estou pensando em parar .eu e muitos colegas e detalhe os jovens de hoje não vão querer este tipo de trabalho.é muita humilhação e um profissional sem valor.os governos só nos sufoca.hoje moro na favela .pago pedágio pra os bandidos pra não morrer.no asfalto pago pedágio para os políticos e em algumas áreas pago pedágio para alguns índios.final e melhor catar latinhas do que viver nessa opressão.

    • Prezado Odílio Fernandes, bom dia!

      Obrigado por nos prestigiar.
      Entendemos sua indignação, enquanto profissional de transporte de cargas.

      Atenciosamente,
      Equipe Estradas

    • Parabéns meu amigo, não sou caminhoneiro, mais viajo muito, acho um absurdo esses pedágios, era bom que vocês paracem tudo novamente, e não voltassem enquanto não tivesse baixa nesses pedágios e também os combustíveis que estão um absurdo, Eu concordo e apoio vocês

    • Sou caminhoneiro. Sou favor privatização rodoviá todos Brasil. Rodovia federal 381 Belorinzont MG. Vitória ES. Vindas indo embora. Todas os dias. Banho sangue todos os dias. Essa rodovia federal estivesse. Privatização. Milhões pessoas estão salvos.

  2. É pelo jeito o pedágio não se deve comentar pois esqueci que é galinha dos ovos de ouro.desculpe.

    • Prezado Odílio, bom dia!

      Pelo contrário, assuntos que sejam de interesse da sociedade devem ser comentados, sim.
      Como um portal de notícias, queremos ouvir a voz de quem tem conhecimento, na prática, sobre o transporte rodoviário no Brasil.
      Continue nos prestigiando e participando com seus comentários.

      Atenciosamente,
      Equipe Estradas

  3. Ou seja, com o dinheiro do erário público se faz estradas, se arrecada IPVAs e nós, brasileiros bestas, ainda temos que bancar está raça de empresas e políticos corruptos.

    Saudades do TRU (Taxa Rodoviária Única) onde as taxas eram aplicadas em estradas e manutenção. SEM PEDÁGIOS ALGUM. VOCÊ IA COM A CERTEZA DE SEUS GASTOS NO COMBUSTÍVEL. Saudades do Regime militar.

    HOJE É UMA ROLETA RUSSA EM SURPRESAS MIL.

  4. Eu acho uma vergonha uma estrada de pista simples ter pedágio e ainda esses valores praticados, esse nosso governo junto com essas concessionária são uns grandes picaretas e o povo como sempre só falando amém.

  5. Bom dia não sou contra cobra pedágio mas eu acho que deveria ser um preço menor e para todas as praças assim tenho certeza que ninguém sairia perdendo pois sou caminhoneiro automo

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui