Descumprindo ordem judicial cerca de 60 índios da etnia Nhambikwara voltaram a bloquear a rodovia federal em Comodoro (643 km de Cuiabá) com cobrança de “pedágio”. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, eles estão usando crianças e mulheres para evitar medida mais enérgica da polícia em relação a retirada deles.

Segundo a PRF, na última quarta-feira, o mesmo grupo foi retirado da rodovia em cumprimento a uma decisão judicial expedida pela 2ª Vara Federal de Cáceres. Porém, ainda que atendidas as reivindicações, desde a última sexta-feira, eles voltaram a bloquear o tráfego.

O acordo de liberação definitiva da rodovia com os manifestantes foi firmado durante reunião entre a PRF, FUNAI, lideranças indígenas e oficiais da Justiça Federal na última quarta-feira. Na ocasião, os índios foram informados da decisão judicial e dos avanços no atendimento as reivindicações, especialmente quando às melhorias no atendimento de saúde e nas estradas das aldeias.

“Ontem, a equipe da PRF que está acompanhando as ações dos manifestantes foi recebida maneira hostil no local da interdição. Os índios ameaçam policias com flechas e utilizam-se de mulheres e crianças para impedir uma ação mais enérgica da polícia. A PRF tem reforçado o policiamento no trecho a fim de evitar conflitos e acionado o Ministério Público Federal (MPF), a Advocacia-Geral da União (AGU) e a FUNAI para que seja cumprida a  decisão judicial, cessada a prática de extorsão e garantido o direito de ir e vir dos usuários da via”, informou a Polícia Rodoviária Federal por meio da assessoria.

Fonte: So Noticias

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui