VAI SUBIR DE NOVO: Decisão da Justiça dá ganho de causa à Econorte e as tarifas dos pedágios de Jacarezinho, Jataizinho (foto) e Sertaneja voltam aos valores antigos, ou seja, 25,77% mais caros, a partir de 0h desta quinta-feira (6). Foto: Divulgação

De acordo com a concessionária, valores 25,77% mais caros entram em vigor a partir de 0h desta quinta-feira (6) nas praças de Jacarezinho, Jataizinho e Sertaneja

Em mais um capítulo da novela envolvendo os pedágios no Paraná, a concessionária Econorte conseguiu êxito ao entrar com um pedido de anulação da decisão liminar que reduziu as tarifas das praças de pedágio, em 22 de janeiro último.

De acordo com a concessionária, a decisão saiu nessa terça-feira (4) dada pelo Supremo Tribunal de Justiça (STJ), que, por sua vez, “anulou que anulou a decisão liminar proferida pelo relator do Agravo de Instrumento n. 5039160-31.2019.4.04.0000/PR apenas no que se refere à imposição da redução das tarifas em 25,77% nas praças de pedágios abarcadas pela concessão”.

Portanto, a partir de zero hora desta quinta-feira (6), os valores das tarifas nas praças de Jacarezinho, Jataizinho e Sertaneja serão, respectivamente, de R$ 22,70, R$ 24,60 e R$ 21,10 para veículos de passeio.

A reportagem do Estradas.com.br entrou em contato com a Econorte, que emitiu a seguinte nota oficial:

A Econorte informa que o STJ suspendeu a decisão liminar que determinava a redução de 25,77% nas tarifas de pedágio das três praças da Econorte, em Jacarezinho, Jataizinho e Sertaneja.

Assim, em cumprimento à referida decisão, o restabelecimento das tarifas de pedágio das praças da Econorte ocorrerá a partir da zero hora do dia 06 de fevereiro de 2020, passando a vigorar os valores apresentados na tabela abaixo:”

Fonte: Econorte

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui