SEGURANÇA: Integrantes da comunidade Vila dos Milagres, às margens da BR-101, no Recife (PE), fizeram um protesto nessa segunda-feira (20) para pedir segurança aos moradores. Os acidentes são frequentes, relatam. Fotos: Divulgação/PRF

Revolta foi motivada após mais uma morte na região da Vila dos Milagres, no domingo (19), à noite. DNIT disse que vai instalar redutor de velocidade; PRF não se manifestou

Um protesto interditou a rodovia BR-101, na altura da Vila dos Milagres, no Ibura, na Zona Sul do Recife (PE), nessa segunda-feira (20). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um ônibus foi incendiado e outro foi depredado.

Ainda de acordo com a PRF, o motivo da manifestação foi uma morte por atropelamento ocorrida no mesmo trecho, no domingo (19).

Conforme disseram os agentes, os integrantes do protesto queimaram um ônibus e danificaram outro, um em cada sentido da rodovia, na altura do Km 74, na Vila dos Milagres.

Detenção

Segundo a Polícia Militar (PM), duas pessoas foram detidas e encaminhadas à Central de Plantões, onde foram autuadas em flagrante por roubo, após serem reconhecidas pelo cobrador de um dos ônibus. Como os dois homens estavam com um galão de combustível, também vão responder pela suspeita de incendiar o coletivo, informou a PM.

Acidente fatal

No domingo (19), um homem foi atropelado na BR-101, na altura da Vila dos Milagres. Segundo a família, Luiz Pereira dos Santos havia passado o dia na praia com a mulher, o genro e dois netos. Os parentes voltaram para casa de ônibus, mas ele preferiu ir de bicicleta e foi atingido por um carro.

ATROPELAMENTO FATAL: Morador Luiz Pereira dos Santos foi atropelado e morto por um veículo no domingo (190, à noite, na altura do Km 74, na BR-101. Motorista fugiu sem prestar socorro ao ciclista.

A mulher de Luiz Pereira, a dona de casa Ana Rita da Silva, lembrou que o marido brincou que chegaria antes de todos em casa. “Ele veio de bicicleta e a gente veio de ônibus. Infelizmente, a gente chegou primeiro que ele. Viemos saber da notícia às 21h”, contou.

Quando os agentes da PRF chegaram no local, identificaram o veículo vermelho com o vidro estilhaçado. O motorista do veículo fugiu do local sem prestar socorro, de acordo com a PRF.

Moradores da comunidade relataram que o número de acidente no trecho aumentou desde que a lombada eletrônica foi retirada, a cerca de cinco meses. “Peço que coloquem essa lombada logo. Ninguém aguenta isso mais não”, disse a viúva de Luiz Pereira.

O filho da aposentada Maria de Souza foi atropelado ao tentar atravessar no mesmo trecho. “Ele viu um ônibus, parou, mas veio uma motocicleta e acertou ele em cheio. Quebrou as duas pernas”, relatou.

Dnit se manifesta, PRF se cala

O Estradas.com.br  entrou em contato com a Unidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), no Pernambuco, e com a PRF, também de Pernambuco, para saber sobre medidas a serem tomadas para garantir a segurança dos moradores da região.

O Dnit respondeu que “visando reforçar a segurança viária e facilitar a travessia dos usuários na região, o DNIT informa que está prevista a implantação de redutor eletrônico de velocidade neste trecho da BR-101/PE (Vila dos Milagres), tão logo sejam concluídos os estudos técnicos de instalação, que se encontram em andamento“.

Já a Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Pernambuco não atendeu aos telefonemas nem respondeu ao e-mail enviado solicitando as informações.

REVOLTA: Moradores da comunidade Vila dos Milagres, na altura do Km 74 da BR-101, no Recife, atearam fogo a um ônibus e depredaram outro, de acordo com a PRF.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui