Além dos acidentes graves, o número geral também caiu. Infrações reduziram quase 19%

A Operação Carnaval 2018, realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), encerrou nessa quarta-feira de cinzas (14). Dados divulgados pelo destacamento dão conta de 42 acidentes no Ceará, sendo nove graves, apresentando uma redução de 25% em relação ao ano anterior, quando foram registrado 12 acidentes graves. Os incidentes também deixaram 42 feridos e duas mortes.
Durante os seis dias de Operação, a PRF destaca o reforço da fiscalização das rodovias que cortam o Ceará. Foram um total de 3.503 autos de infração, sendo 603 por ultrapassagens proibidas, 73 devido ao não uso do cinto de segurança, 39 por embriaguez ao volante (2.627 testes de bafômetro realizados), 51 pela falta de capacete e 19 por não usar cadeirinha. Esses dados indicam que foram aplicadas 24 multas a cada hora nesse período.
O excesso de velocidade é um dos maiores agravantes de acidentes. Neste Carnaval, 2.704 imagens de veículos trafegando acima do limite permitido foram capturadas. Em Sobral, na altura da BR-222, um veículo foi flagrado a 162 km/h, onde a velocidade máxima permitida era de menos da metade, 80 km/h. Foram apreendidas 46 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs).
Já em relação aos crimes, a Operação recuperou cinco veículos roubados e 17 pessoas por ocorrências diversas.
Resultados 
Além de reduzir a quantidade de acidentes graves, neste ano o número geral de acidentes também caiu. Em 2017 foram 46 acidentes, e neste ano foram 42. O número de infrações caiu quase 19%.
A PRF afirmou que aliado à fiscalização, os agentes realizaram ações educativas durante abordagens a automóveis e ônibus que utilizaram as rodovias federais. Conforme a Polícia, 1.230 pessoas foram alcançadas nessas atividades.
Confira tabela comparativa:

Fonte: O Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui