Descaso e irresponsabilidade foi flagrada neste sábado (6), na rodovia Santos Dumont (SP-075), quando um ônibus foi visto transitando com uma fita adesiva no para-choque. Foto: Divulgação

Parte da fita descolou durante o trajeto e, caso caísse o para-choque, poderia ter acontecido um acidente

Um ônibus coletivo que faz a linha 1.20 (Terminal Ouro Verde/Terminal Central) foi flagrado na manhã deste sábado (6) com parte do para-choque quebrado e colado com fitas adesivas, em Campinas. O veículo transitava na Rodovia Santos Dumont (SP-075), na altura do Parque Oziel, no sentido Centro, quando foi fotografado.

Parte da fita chegou até a descolar durante o trajeto e o para-choque correu o risco de cair sobre a via e ocasionar um acidente. Quem viu reclamou da maneira improvisada que o ônibus estava circulando.

“Olha que vergonha o ônibus em Campinas. O para-choque colado com fita e tampa aberta correndo riscos de acidentes. Uma das passagens mais caras do Brasil. Qualidade péssima”, afirmou Juliana Maia que fez o flagrante.

O Setcamp (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros), responsável pelo veículo, informou que o ônibus foi recolhido para a garagem da empresa e informou também que o ônibus sofreu uma avaria durante o percurso de hoje e o motorista resolveu improvisar para continuar a viagem.

Ainda em nota, a SetCamp destacou que o procedimento seria usar a regra padrão da empresa, que é avisar a garagem para que seja feita a troca do veículo por um reserva da linha. Nesses casos, a ordem é recolher o veículo avariado imediatamente para a garagem, finalizou o sindicato.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui