LIMPEZA: Agentes da PRF no Piauí e Maranhão descobriram mais de 400 veículos apreendidos com registro de roubo ou furto. Foto: Divulgação

De acordo com a Corporação, automóveis e motocicletas estavam retidos administrativamente em pátios conveniados no Piauí e Maranhão

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou nesta segunda (20) a Operação Pátio Limpo, que teve como foco a identificação de fraudes veiculares. Foram identificados 411 veículos com registro de furto ou roubo em pátios conveniados nos estados do Maranhão e Piauí. Com este resultado, a instituição soma mais de 4.550 veículos recuperados este ano.

De acordo com a PRF, a operação, que ocorreu em Teresina, Parnaíba, Floriano, no Piauí, e em Imperatriz e São Luis do Maranhão, teve início em 10 de julho e prevê uma segunda etapa, onde os veículos serão restituídos aos seus verdadeiros proprietários.

Ainda de acordo com a Corporação, a operação mobilizou 78 inspetores que atuaram nos dois estados. O resultado foi na recuperação de 411 veículos, entre motocicletas e carros de passeio, que possuíam carácteres de identificação adulterados.

Apoio

A ação contou com o apoio das Polícias Civil dos estados do Maranhão e Piauí e do DETRAN (PI), que permitiu o acesso aos pátios das empresas terceirizadas responsáveis pela guarda dos veículos removidos por diversas instituições do Sistema Nacional de Trânsito.

As dezenas de veículos adulterados foram identificados, tendo sua identidade original revelada e sua origem ilícita exposta. Desta forma, foi possível evitar que estes veículos voltassem a circular ilegalmente, já que alguns deles iriam a leilão em breve.

Todos os veículos estão sendo encaminhados para Delegacia de Polícia Interestadual do Piauí – POLINTER, Delegacia Regional de Imperatriz/MA e para a Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos na cidade de São Luis/MA. Todos os verdadeiros proprietários deverão ser contactados pela Polícia Civil para a restituição dos bens, não há a necessidade de deslocamento de pessoas às Delegacias.

Capacitação

Antes de iniciada a fase operacional da “Pátio Limpo”, os policiais rodoviárias federais passaram por um nivelamento de conhecimentos, estratégia adotada pelo órgão que aposta na capacitação do seu efetivo para a obtenção dos resultados esperados. Os 78 PRFs envolvidos na ação serão agora multiplicadores da dinâmica e técnicas de identificação veicular que faz parte da rotina de fiscalizações da instituição em todo o país.

Fonte: PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui