LIMITAÇÃO: Caminhões e ônibus, até 8 toneladas, estão proibidos de passar pela ponte na MGC-265, entre Mercês e Silveirânia, em MG. Foto: Divulgação

De acordo com o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DER) de Minas Gerais, medida é válida somente para caminhões e ônibus

O Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DER) de Minas Gerais proibiu a passagem de veículos de carga e ônibus, acima de 8 toneladas, na ponte sobre o rio São Domingos, no km 135 da MGC-265, entre os municípios de Mercês e Silveirânia.

De acordo com o DER, a medida é para evitar o comprometimento da estrutura da ponte. Uma passagem alternativa está sendo construída nas proximidades. A previsão é de que as obras na ponte sejam concluídas em 15 dias. Ônibus e  veículos de carga, acima de 8 toneladas, devem seguir rotas alternativas:

1 – Belo Horizonte – Silveirânia: Seguir na BR-040 até próximo a primeira entrada para Juiz de Fora (Barreira do Triunfo); seguir em direção à MG-353 e Coronel Pacheco, quando deve continuar pela MG-133, passando por Piau, Tabuleiro, até o entroncamento MGC-265 (Rio Pomba); depois tomar a direção para Silveirânia. Por este trajeto, caminhões e ônibus acima de 8 toneladas não podem continuar no sentido a Mercês.

2 – Belo Horizonte – Silveirânia: Seguir na BR-040 até a entrada da BR-356 e continuar sentido Ouro Preto, quando deverá entrar na MG-262 rumo a Ponte Nova; ao chegar a essa cidade, continuar pela BR-120, passando por Teixeiras, Viçosa, Coimbra até o entroncamento da MG-447, seguindo para Ubá; no entroncamento da MGC-265, prosseguir por Tocantins, Rio Pomba e Silveirânia. Por este trajeto, caminhões e ônibus acima de 8 toneladas não podem continuar no sentido a Mercês.

3 – Belo Horizonte – Mercês: Seguir na BR-040 até o entroncamento para a MG-488 (próximo a Barbacena); deverá continuar pela rodovia, passando por Santa Bárbara do Tugúrio até Mercês. Por este trajeto, caminhões e ônibus acima de oito toneladas não podem continuar no sentido a Silveirânia.

Segundo o DER, foi implantada sinalização com placas e faixas em vários pontos da rodovia para orientar os usuários. Além disso, estabeleceu um efetivo de fiscais do DER, com o apoio da Polícia Militar Rodoviária (PMRv), para fiscalizar o trecho próximo à ponte.

Fonte: Barbacena Online

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui