Operação Égide, desenvolvida nos estados do Acre e Rondônia, teve como principal objetivo combater a criminalidade.

Entre os dias 9 e 22 de dezembro de 2018 foram intensificadas as fiscalizações nos dois estados

Durante o período das ações, houve um reforço no efetivo com policiais rodoviários federais de várias partes do país,  proporcionando e garantindo a fiscalização eficiente ao longo das BR-364 e BR-317.

Na terceira fase da Égide, a PRF teve por objetivos assegurar a livre circulação nas rodovias federais nos estados do Acre e Rondônia, contribuir para redução da criminalidade e da violência, enfrentar os crimes transfronteiriços, como contrabando e tráfico de drogas e de armas, e aumentar a segurança dos usuários das rodovias.

No trânsito, infrações como o transporte irregular de passageiros, excesso de velocidade, embriaguez ao volante e ultrapassagens indevidas também foram fiscalizadas.

“A Operação Égide AC/RO da Polícia Rodoviária Federal, como nas outras duas etapas também esse ano, foi mais uma vez exitosa na sua terceira fase, principalmente pelas apreensões e redução de acidentes, quando não houve mortes, nas rodovias federais, no trecho da Operação”, explicou o superintendente da PRF/AC, Inspetor Nélis Newton.

Abaixo, seguem os números da Operação Égide AC/RO 2018 Etapa III:

FISCALIZAÇÕES (total):

Pessoas: 550

Veículos: 488

ACIDENTES: 02

Pessoas feridas em decorrência dos sinistros: 08

Mortes: nenhuma

 

CRIMES (apreensões):

Pneus: 10

Diversos: 2.483 itens

Vestuário: 1.360 peças

Armas: 02 (espingarda e pistola)

Munições: 74

Cocaína: 88 Kg

Veículos retidos/recuperados: 03

Total de pessoas presas/detidas: 26 (sendo 6 foragidos da justiça).

Fonte: Agência PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui