Recall do Volvo EX30 é motivado por falha em software
SOFTWARE: Recall do Volvo EX30 é motivado por falha em software. Foto: Divulgação

De acordo com a montadora, problema pode ser resolvido com atualização; falha atinge quase todas as unidades produzidas

A Volvo iniciou recall do EX30 por conta de uma falha no software, que provoca erro na tela da central multimídia, fazendo com que o velocímetro entre em “modo de teste” quando o veículo é ligado.

Segundo a montadora, o recall afeta quase todas as 72 mil unidades produzidas do carro elétrico até o momento.

De acordo com o comunicado da Volvo, o carro precisa passar por uma atualização over-the-air no software. A falha foi identificada pelo site sueco “Carup”.

Esta é a segunda vez, desde janeiro, que o EX30 tem um problema de software. No primeiro mês do ano, houve uma falha na atualização, que precisou ser realizada presencialmente.

Recall do Volvo EX30 é motivado por falha em software
SEGUNDA VEZ: É a segunda vez, desde janeiro, que o EX30 tem um problema de software. No primeiro mês do ano, houve uma falha na atualização, que precisou ser realizada presencialmente. Foto: Divulgação/Volvo

A Volvo também teve problemas com softwares no EX90, que culminaram no atraso do início da produção e, consequentemente, do lançamento do SUV elétrico.

Fabricado na China, o EX30 foi apresentado no Brasil no fim de 2023, e as vendas foram iniciadas em junho deste ano. O modelo está à venda em quatro versões a partir de R$ 229.890,00.

Segundo a montadora, das 41.242 unidades comercializadas pela Volvo até maio, o EX30 responde por 35.309 carros. Na Europa, o SUV compacto é o terceiro carro elétrico mais vendido, atrás apenas dos Tesla Model 3 e ModelY. Mais informações no site da Volvo.

Recall do Volvo EX30 é motivado por falha em software
DE NOVO: A Volvo também teve problemas com softwares no EX90, que culminaram no atraso do início da produção. Foto: Divulgação/Volvo

Deixe um comentário

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui