SITUAÇÃO CAÓTICA: ERS-265 está com péssimo estado de conservação e tem causado transtorno aos motoristas que se utilizam da via. Foto: Divulgação

Empresa de ônibus chegou a cancelar linha intermunicipal por conta do estado da rodovia

A Rodovia ERS 265, que liga os municípios de Canguçu e Piratini, tem preocupado os motoristas que utilizam a via para trabalho, por conta do péssimo estado de conservação em que se encontra, de acordo com a empresa Expresso Embaixador.

Ainda de acordo com a empresa, nessa quinta-feira (1º/8) foi cancelada a linha intermunicipal entre os dois municípios devido às condições ruins da estrada. De acordo com a empresa, os pontos mais precários estão entre a Fazenda Acosta e o Mário Palivorda, onde uma fila de caminhões impossibilita a passagem de veículos.

No começo da manhã, a empresa explicou que aguardava a manutenção da rodovia pelo  Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer).

Num outra situação, um ônibus da empresa acabou caindo em uma valeta grande e teve danos na parte frontal do veículo. Além da empresa, numerosos motoristas também relataram dificuldades em um trecho há mais ou menos 10 quilômetros da BR-392, onde caminhões de grande porte acabaram ficando atolados no lamaçal que virou a estrada.

Entre as demandas da comunidade, está o pedido para que as autoridades façam algo pela estrada,  já que no mapa do Rio Grande do Sul, o trajeto consta como asfaltado.

Na tarde dessa quinta-feira (1º/8), o trânsito foi liberado após uma motoniveladora da Prefeitura de Canguçu ter realizado o patrolamento no local.

A Expresso Embaixador anunciou que retornará a linha. Apesar dos reparos feitos pela Prefeitura, muitos trechos ainda continuam críticos, entre eles, a localidade do Alto Alegre.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui