As concessionárias que administram as rodovias estaduais iniciam na quinta-feira esquema operacional especial visando o fim de semana prolongado da Páscoa. Somente as rodovias concedidas que saem da capital devem receber cerca de 2,5 milhões de veículos durante os três dias do feriadão. A previsão é de que o tráfego comece a ficar mais intenso a partir do início da tarde de quinta-feira em algumas dessas rodovias, como a Anchieta (SP-150) e Imigrantes (SP-160). Para outras, como a Anhanguera (SP-330), a Bandeirantes (SP-348) e a Castello Branco (SP-280), estima-se que o fluxo comece a se intensificar a partir das 15h.

Todas as concessionárias reforçaram suas equipes de atendimento aos usuários durante o fim de semana prolongado. Além de pessoal extra, haverá maior contingente de guinchos, ambulâncias e viaturas operacionais. A Viaoeste, responsável pelo Sistema Castello Branco (SP-280) e Raposo Tavares (SP-270) – depois do município de Cotia, prevê a utilização da Operação Papa-Filas nos pedágios se o fluxo de veículos estiver muito intenso. Nessa operação, funcionários da concessionária fazem a cobrança da tarifa antes do veículo chegar à cabine de pedágio, agilizando, assim, a liberação dos veículos.

Litoral

A Ecovias, que administra o Sistema Anchieta/Imigrantes, prevê a implantação da Operação 7 x 3 (com os veículos seguindo para o litoral pelas duas pistas da Anchieta e a Pista Sul da Imigrantes, e para a capital somente pela Pista Norte da Imigrantes) a partir das 15h. A concessionária prevê que entre 250 mil e 340 mil veículos utilizem a malha sob a sua administração ao longo do fim de semana prolongado. Para o retorno do feriado, no domingo, a previsão é de que o trânsito comece a se intensificar já a partir das 10h. Nesse horário será implantada a Operação 2 x 8 (a subida da serra será feita pelas duas pistas da Imigrantes e pela Pista Norte da Anchieta, e a descida apenas pela Pista Sul da Anchieta).

Interior

A Autoban, responsável pelo Sistema Anhanguera/Bandeirantes, utilizado para quem segue para região de Campinas e outros municípios do interior, estima que 720 mil veículos irão utilizar essas rodovias durante a operação especial. A concessionária estima que o maior movimento na saída do feriado ocorra na quinta-feira entre 15h e 20h e na sexta-feira, entre 13h e 22h. Já o retorno terá fluxo intenso a partir das 13h de domingo até às 22h, prevê a concessionária. Também com destino ao Interior ao Litoral Norte, as rodovias Ayrton Senna e Carvalho Pinto devem receber entre 870 mil e 910 mil, segundo a concessionária Ecopistas.

Simulador de Impacto

Durante o feriadão, a ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) e concessionária Viaoeste realizarão uma ação educativa com o simulador de impacto da campanha de conscientização do uso do cinto de segurança em postos de serviços da Castello Branco (SP-280). O aparelho ficará no posto de serviços do km 30 da pista sentido Interior na sexta-feira (dia 3) e no sábado (4) e no posto de serviços do km 57 da pista sentido capital no domingo. Os usuários poderão utilizar o equipamento, que simula o impacto de uma batida a 5 km/h, ampliando a sensação da importância da utilização do cinto de segurança. A Viaoeste espera que 524 mil veículos utilizem a malha que administra durante o feriado. Os períodos de maior tráfego serão das 15h às 23h na quinta-feira e das 6h às 12h na sexta-feira na saída da Grande São Paulo. Para o retorno, no domingo (5), o tráfego estará carregado entre 10h e 21h.

Emergências

É importante ter em mãos os telefones de atendimento das operadoras das rodovias e da Polícia Militar Rodoviária para eventuais emergências. O serviço de ajuda ao usuário prestado pelas concessionárias de rodovias é gratuito e está disponível 24 horas por dia nos 6,3 mil quilômetros de rodovias concedidas paulistas. O atendimento auxilia desde uma simples troca de pneu até a remoção de vítimas de acidentes e prestação de primeiros socorros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui