Seis corpos estirados no asfalto. Dez pessoas feridas – algumas gravemente –, chorando de dor e desespero. Socorristas correndo de um lado para o outro, num vaivém frenético entre as vítimas, prestando os primeiros atendimentos, antes de encaminhá-las aos hospitais. Policiais rodoviários, bombeiros militares, peritos, ambulâncias, macas, viaturas e um congestionamento de mais de dois quilômetros, a partir do quilômetro 255, da BR-316.

Era por volta das 9 horas da manhã de ontem, quando a van de placa MUB-2482, do transporte complementar do município de Boca da Mata, lotada de passageiros, chocou-se com o “trimião” (caminhão acoplado a três gaiolões, usado no transporte de cana), a serviço do Grupo Toledo (Usina Sumaúma, de Marechal Deodoro). O acidente aconteceu próximo ao entroncamento que dá acesso ao município de Pilar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui