LIBERADO: O Dnit liberou ao tráfego de veículos o viaduto da interseção da BR-158 com a BR-392, no Trevo da Uglione, em Santa Maria (RS). Foto: Divulgação

De acordo com o Dnit, além da Obra de Arte Especial, outros quatro quilômetros de pista duplicada foram liberados na BR-158

O Governo Federal liberou, nesta quarta-feira (1º/7), o tráfego de veículos em um dos novos viadutos da interseção entre as BR-158 e BR-392 (Trevo da Uglione), no município de Santa Maria (RS).

De acordo com a Autarquia, em outro ponto da Travessia Urbana foi concluída a ampliação de pista e acabamentos junto ao viaduto do Cerrito, possibilitando a abertura ao tráfego de quatro quilômetros de pista duplicada na BR-158.

O novo viaduto, no bairro Uglione, será totalmente iluminado e terá trânsito de veículos em dois sentidos, no formato de pista simples. A obra possibilita uma ligação direta para quem trafega na direção Santa Maria-São Pedro do Sul e vice-versa, passando por cima do trevo existente.

“Essa obra vai melhorar, não apenas o tráfego dos municípios da região, como também o do estado como um todo, já que vai garantir mais fluidez, mais segurança aos usuários da rodovia e melhorias ao escoamento dos produtos da região”, afirmou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Interseção

Na interseção com a BR-392, o Dnit executa a maior Obra de Arte Especial (OAE) do projeto conhecido como Travessia Urbana de Santa Maria. Trata-se de um viaduto em três níveis que, após concluído, segregará totalmente o trânsito urbano do fluxo que utiliza a rodovia da zona de produção do Rio Grande do Sul, tanto para região Sul do Estado (Porto do Rio Grande), quanto para Fronteira Oeste.

“A obra contribuirá para a economia da região porque é uma rota de escoamento de grande parte da produção de grãos do estado e, do ponto de vista local, é um dos principais acessos ao município”, destaca o diretor-geral do Dnit, General Antônio Santos Filho.

No caso da ampliação de pista e acabamentos junto ao viaduto do Cerrito, além das quatro pistas, o segmento conta com iluminação, passeio público, vias laterais, quatro viadutos e uma passarela localizada no acesso ao bairro Floresta, que já haviam sido entregues para a comunidade. O trecho entre o trevo do Castelinho e o Viaduto da Rua Duque de Caxias faz parte do conjunto de melhorias previstos no projeto em execução conhecido como Travessia Urbana.

Fonte: Comunicação do Dnit

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui