Os acidentes nas rodovias de São Paulo durante o feriado prolongado de Proclamação da República deixaram 43 mortos e 737 feridos, segundo dados da Polícia Rodoviária Estadual. Em comparação ao feriado do ano passado, o número de mortos cresceu 2,9%.

O aumento é proporcional, já que neste ano o feriado teve um dia a mais de recesso –foi da sexta-feira (11) até a terça-feira (15).

Ao todo foram 1.368 acidentes nas estradas, o que representa uma diminuição de 6% no número de acidentes por dia, se comparado ao feriado do ano passado, que teve 1.045 acidentes em quatro dias.

Assim como os mortos, o número de feridos aumentou. Foram 737 feridos este ano contra os 509 do ano passado, segundo a polícia.

O pior acidente ocorreu ontem, quando um ônibus que levava romeiros teve problemas nos freios, bateu e deixou ao menos dez mortos na rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP-123).

Morreram uma criança e nove adultos. Outros 37 feridos –16 em estado grave– foram levados pelos bombeiros para hospitais da região.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui