CANAL DE COMUNICAÇÃO : A ANTT abre um canal de comunicação entre governo e sociedade civil. Por meio do Conselho de Usuários de Serviços Públicos, plataforma da Controladoria Geral da União (CGU) oficializada pela Portaria nº 2/2021 e publicada nesta terça-feira, (4). O objetivo é fomentar o uso da plataforma virtual do conselho de usuários. Foto: Aderlei de Souza/Ilustrativa

De acordo com a Agência, entre as dinâmicas propostas pela plataforma estão as enquetes e o fórum de melhorias

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) abre um canal de comunicação entre o governo e a sociedade civil, por meio do Conselho de Usuários de Serviços Públicos, plataforma da Controladoria Geral da União (CGU) que foi oficializada pela Portaria nº 2/2021 – publicada nesta terça-feira (4) no Diário Oficial da União (DOU. O objetivo é fomentar o uso da plataforma virtual do conselho de usuários.

De acordo com a ANTT, com a ferramenta, a administração pública horizontaliza sua comunicação, facilitando a interação com os usuários, permitindo um retorno direto sobre a qualidade dos serviços prestados pelo governo federal. Isso se aplica, da mesma forma, à ANTT e aos seus usuários. Agora, o usuário poderá opinar e avaliar os serviços prestados pela Agência, bem como sugerir melhorias que possam dar qualidade e efetividade na prestação dos serviços.

Que Responsa!

Os conselhos de usuários de serviços públicos são órgãos de natureza consultiva, aos quais compete acompanhar e participar da avaliação de qualidade e efetividade da prestação dos serviços públicos como propor melhorias na prestação dos serviços públicos, contribuir para a definição de diretrizes para o adequado atendimento ao usuário e acompanhar e auxiliar na avaliação da atuação das ouvidorias do sistema de ouvidoria do poder executivo federal.

O conselho busca, de forma simples e direta, saber se o usuário compreende como e onde ele pode utilizar o serviço ofertado pela Agência, a lista de documentação necessária para o acesso facilitado aos serviços, a percepção sobre o tempo para a prestação do serviço e se o usuário consegue monitorar todo o processo.

Entre as dinâmicas propostas pela plataforma estão as enquetes e o fórum de melhorias, que são práticas que facilitarão a interação entre usuários e Ouvidoria, permitindo que o usuário consiga mostrar sua percepção ao serviço que a ANTT oferece.

CANAL ABERTO: Agora, o usuário poderá opinar e avaliar os serviços prestados pela Agência, bem como sugerir melhorias que possam dar qualidade e efetividade na prestação dos serviços. Foto: Divulgação/ANTT

Enquetes

As enquetes são as principais ferramentas de interação entre a Ouvidoria, conselheiros e o conjunto de usuários do serviço público. Elas poderão ser apresentadas como consultas ou pesquisas e visam colher informações e opiniões que possam colaborar com o fórum de melhorias.

Fórum de Melhorias

O Fórum de Melhorias é um ambiente, dentro da plataforma, destinado ao compartilhamento de propostas de melhorias pelos conselheiros, que visa, além de dar publicidade à ideia, permitir que os demais conselheiros apresentem apoio à plataforma e publiquem seus comentários.

O fórum permite que a Ouvidoria da ANTT avalie a aceitação das ideias junto aos conselheiros, mantenha um repositório com as sugestões de melhorias e possa acessá-las para entregar uma informação qualificada para o gestor do serviço.

Contribua

Se você se interessa em participar do Conselho de Usuários da ANTT, basta seguir as seguintes etapas:

●        Realizar cadastro na Plataforma Virtual do Conselho de Usuários de Serviços Públicos;

●        Selecionar o ícone “Tornar-se Conselheiro”;

●        Escolher o órgão “ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres”; e

●        Clicar no ícone “+” para confirmar.

Qualquer pessoa pode se inscrever e tornar-se conselheira, sugerir propostas de melhorias e propor soluções para o melhor atendimento às necessidades da população.

As informações sobre todos os serviços oferecidos pela ANTT podem ser encontradas no site: www.gov.br/antt.

Fonte: Assessoria de imprensa da ANTT

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui