COCAÍNA: Acompanhado pela esposa e pelo filho, caminhoneiro foi preso na BR-376, em Guratuba (PR), nessa segunda-feira (31 de maio), por transportar 223 quilos de pasta-base de cocaína, segundo PRF. Foto: Divulgação/PRF

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), suspeito foi descoberto após se envolver em acidente (sinistro) na rodovia

Um caminhoneiro foi preso na BR-376, em Guratuba (PR), nessa segunda-feira (31 de maio), por transportar 223 quilos de pasta-base de cocaína, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Ainda de acordo com a Corporação, a descoberta da droga ocorreu após o motorista sofrer um acidente. O suspeito que dirigia o veículo tentou fugir, mas foi preso em Santa Catarina. A droga seria entregue no Rio Grande do Sul.

Segundo a PRF, o sinsitro foi por volta das 17h50. O chamado da concessionária que administra o trecho da BR-376 informava sobre o tombamento do caminhão, mas relatava que na cabine do veículo havia grande quantidade de droga.

Ainda segundo os agentes, os ocupantes do caminhão – um homem, uma mulher e uma criança – foram vistos entrando em outro caminhão, que seguia sentido a Santa Catarina.

De Santa Catarina ao Rio Grande do Sul

Diante disso, A PRF conseguiu informações do caminhão e acionou a equipe do estado vizinho. O suspeito disse que tinha saído de Cascavel, no oeste do Paraná, e levaria a droga até o Rio Grande do Sul.

De acordo com a PRF, em revista na bolsa da esposa, os policiais encontraram um tablete da droga que estava no caminhão tombado. Ele disse que pegou o tablete por causa da perda da carga no sinistro e que pretendia vendê-lo.

Segundo a PRF, os 223 quilos de pasta-base encontrados no caminhão renderiam quase 700 quilos de cocaína. O homem preso foi levado à delegacia com a carga apreendida e vai responder por tráfico de drogas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui