Homem de 27 anos foi preso na noite de quarta-feira (5), na BR-487, em Alto Paraíso, no noroeste

Um caminhoneiro de 27 anos foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Alto Paraíso, no noroeste do Paraná, por usar um documento falso para enganar a fiscalização. Ele falsificou uma liminar informando sobre a suspensão da cassação da própria carteira de motorista. A prisão ocorreu na noite de quarta-feira (5), na rodovia BR-487 .

Segundo a PRF, o homem teve a carteira de habilitação cassada porque foi flagrado conduzindo um veículo com a carteira suspensa. A polícia não informou quando a carteira foi cassada.

Ao parar na fiscalização em Alto Paraíso, o motorista apresentou uma decisão judicial que teria sido emitida pelo Juizado Especial de Cascavel. O documento suspendia os efeitos da cassação da carteira, e concedia o direito de conduzir.

Mas, quando os policiais rodoviários checaram a veracidade do documento e descobriram que o condutor realmente entrou na Justiça pedindo a suspensão da medida, mas essa solicitação foi negada em juízo. Após essa análise, se comprovou que o documento foi adulterado. O caminhoneiro foi preso e levado à Delegacia de Polícia Federal de Guaíra, no oeste.

Fonte: www.g1.com.br./pr/norte-noroeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui