O Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ), através da sua Superintendência de Sinalização, iniciou no mês de maio o mais amplo serviço de recuperação e revitalização da sinalização rodoviária já feita pelo órgão. Até o momento já foram beneficiados mais de 600 km, distribuídos pelas principais rodovias localizadas na Região Serrana e dos Lagos. Além do serviço para pintura de faixas as equipes estão atuando na instalação de defensas metálicas, tachões refletivos e painéis de mensagens variadas.

A RJ-106, rodovia que liga São Gonçalo a Macaé e atravessa toda a Região dos Lagos, passou por uma completa reformulação na sua sinalização. O DER-RJ contemplou 200,0 km da via com pintura de faixas, onde o foram colocados ainda mais de 30 mil novos tachões refletivos e 2,0 km de defensas metálicas. Outra importante rodovia da região, a RJ-118, que liga Maricá a Saquarema, recebeu 25,7 km de sinalização horizontal, além de 23 mil novos tachões refletivos. Ainda na Região dos Lagos, o órgão realizou os serviços de sinalização horizontal ao longo de 89,3 km da RJ-102, no trecho entre Búzios e Cabo Frio. A via também recebeu mais de 27 mil novos tachões refletivos.

Na Região Serrana as equipes iniciaram as ações na RJ-130, rodovia que liga Teresópolis a Nova Friburgo. Os serviços para pintura de faixas abrangeram 70,0 km da via, que contou ainda a instalação de 18 mil tachões refletivos e 1,0 km de defensas metálicas. A RJ-142, também conhecida por Circuito Serra-Mar e que interliga os municípios de Nova Friburgo e Casimiro de Abreu, foi beneficiada com a sinalização horizontal de 62,7 km da estrada.

O objetivo do DER-RJ é reforçar a sinalização viária estadual em mais de três mil km. Até o momento já foram investidos aproximadamente R$ 8 milhões, recursos estes aplicados na sinalização de aproximadamente 600,0 km. Na próxima semana serão iniciados os serviços na RJ-149, no trecho com 34,0 km de extensão entre Mangaratiba e Rio Claro. O órgão conta com o apoio diário de 80 homens, distribuídos em seis equipes.

O Diretor de Operação, Monitoramento e Controle de Trânsito do DER-RJ, José Hylen Gomes Ney, enaltece a valor dos serviços prestados pelo órgão: “Proporcionar maior segurança a motoristas e pedestres não tem preço, por isso é com satisfação e orgulho que vamos revitalizar a sinalização em mais de três mil quilômetros”.

Importante relembrar que a segurança de uma rodovia está diretamente ligada à qualidade da sinalização oferecida aos motoristas que a utilizam diariamente. O DER-RJ está ciente disso e seguirá intensificando as ações de manutenção e ampliação da sinalização, tanto vertical, quanto horizontal. Mais uma vez é importante salientar a gravidade do delito que é cometido contra as placas de sinalização, alvos rotineiros de vândalos. Furtar ou pichar uma placa sinalizadora é crime, que além de colocar em risco a vida de milhares de pessoas, ainda onera os cofres do estado. O DER-RJ gasta mensalmente uma média de R$110 mil para tentar recuperar e recolocar placas de sinalização pichadas, danificadas e até mesmo furtadas.
O DER também alerta aos motoristas que trafegam pelas rodovias estaduais para que denunciem qualquer ato de vandalismo às placas de sinalização das estradas. Os usuários podem ligar para o Batalhão da Polícia Rodoviária (3601-6928) ou ainda ligar para o Plantão Rodoviário do DER (2332-5532), que funciona 24 horas para receber denúncias e tirar dúvidas dos usuários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui