A Superintendência Regional do DNIT no Paraná realizou, na semana passada, nas cidades de Capitão Leônidas Marques e Toledo, respectivamente, Audiências Públicas que apresentaram às comunidades e lideranças, os anteprojetos da duplicação da rodovia BR-163 nos subtrechos: Cascavel – Marmelândia e Toledo – Marechal Cândido Rondon. A expectativa é que as licitações sejam iniciadas agora em maio, na modalidade RDC Integrado.

As apresentações tiveram como objetivos a exposição dos traçados e intervenções inicialmente propostas, dirimir dúvidas e colher sugestões. Moradores, empresários, lideranças políticas e sociais, lotaram os dois eventos, questionaram o DNIT e obtiveram respostas nos mais diferentes aspectos envolvendo os anteprojetos.

“As audiências foram um sucesso e mesmo a Lei do RDC não nos obrigando a realizá-las, achamos que seria conveniente devido ao impacto que estas obras trarão para a região”, afirmou o Superintendente Regional, José da Silva Tiago. Em linhas gerais, a duplicação prevê a construção de uma segunda ponte sobre o Rio Iguaçu, passagens em desnível, passarelas de pedestres, entre outras intervenções que proporcionarão mais segurança seja para o tráfego de longa distância, seja para o local.

Integraram a equipe do DNIT nos eventos o Chefe do Serviço de Engenharia, Max Alberto Cancian, o Coordenador-Geral  de Cadastro e Licitação, Arthur Luis Pinho de Lima, o Supervisor da UL Foz do Iguaçu, Vicente Veríssimo Jr, o Engenheiro da Subunidade DNIT Cascavel, Adriano Odilon, além de representantes de órgãos ambientais, da Polícia Rodoviária Federal, do Governo Estadual e do DER-PR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui