PRISÃO: PRF prende motoboy por tráfico de drogas em Juiz de Fora (MG). Foto: Divulgação

Atitudes suspeitas levaram os agentes da PRF a seguir um veículo Fiat Strada e uma moto

A Polícia Rodoviária Federal, durante Operação de Fiscalização na BR-267, por volta das 13h30 dessa segunda-feira (8), avistaram uma picape Fiat Strada com placas de Carangola, em atitude suspeita, nas proximidades do km 130 da BR-267, em Juiz de Fora – MG.

O veículo adentrou uma estrada de terra, o que aumentou a suspeição das equipes que passaram a realizar buscas em propriedades rurais naquela localidade. Ao chegarem em uma das propriedades ali localizadas, os policiais rodoviários federais avistaram o veículo, juntamente com um caminhão-baú Mercedes-Benz, de cor vermelha, com placas de Palmas (PR).

Ao avistarem os policiais, três indivíduos que encontravam-se próximo aos veículos, empreenderam fuga para a mata, enquanto um deles atirava em direção aos policiais, que revidaram os disparos. Não houve feridos.

Enquanto os policiais realizavam buscas pelos foragidos, chegou ao local uma segunda picape Strada, esta com placas de Juiz de Fora. Ato contínuo os policiais ordenaram que o ocupante da caminhonete, um motoboy, de 34 anos, desembarcasse. Em buscas no veículo foram encontrados diversos sacos de lixo pretos, fitas adesivas e uma parafusadeira.

Na outra picape, foi encontrado um tablete de maconha e outra parafusadeira, além de documentos que vinculavam o motoboy ao proprietário do veículo, que o conduzido afirmou tratar-se de um primo seu, que o teria contratado para entregar as embalagens na propriedade rural.

Em buscas minuciosas realizadas no caminhão, os policiais rodoviários federais encontraram um fundo falso no teto do baú, de onde foram retirados cerca de 600 tabletes de maconha.

Enquanto as equipes da PRF realizavam a contagem da quantidade de tabletes de maconha apreendidos, chegaram ao local, um homem e uma mulher, dizendo-se advogados, o que foi confirmado pelas equipes. Os advogados informaram ter sido contratados por um homem que se identificou como dono da propriedade e solicitou que os mesmos comparecessem ao local.

Tendo em vista as informações acima, foi dada voz de prisão ao motoboy, que, ciente de seus direitos constitucionais, foi encaminhado para a sede da Polícia Federal, em Juiz de Fora, juntamente com o caminhão, as duas camionetes e a droga apreendidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui