Uma câmera de vigilância da praça de pedágio de Arapongas, no norte do Paraná, registrou um motociclista passando pela lateral das cabines de cobrança ao mesmo tempo em que cobria a placa com um pé. O flagrante foi por volta das 16 horas de terça-feira (20).

A tarifa da praça, que fica na BR-369, é de R$ 4,50 para motocicletas. Para escapar da cobrança, o condutor da motocicleta saiu da pista e percorreu cerca de 30 metros em uma calçada, sentido Londrina, com o pé direito encobrindo parcialmente a placa.

De acordo com Pedro Faria, inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), caso seja identificado, o condutor da motocicleta será multado com base no artigo 209 do Código de Trânsito Brasileiro, que multa de R$ 195,23 para quem “não efetuar o pagamento do pedágio”, além de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) – infração grave.

“Em tese, também pode ser entendido como um crime, por estar ocultar o sinal identificador do veículo”, diz.

De acordo com o artigo 311 do Código Penal, a pena para quem “adulterar ou remarcar número de chassi ou qualquer sinal identificador de veículo automotor” é de três a seis anos de prisão, além de multa.

A tarifa da praça, que fica na BR-369, é de R$ 4,50 para motocicletas — Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

A tarifa da praça, que fica na BR-369, é de R$ 4,50 para motocicletas — Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

Fonte: www.g1.com.br./pr/norte-noroeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui