Motorista encontrou o corpo da mulher na rodovia e acionou a polícia. Vítima morava no bairro Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

O corpo de uma mulher de 46 anos foi encontrado na tarde desta segunda-feira (6) no Jardim Itamaracá, em Campo Grande. A Polícia Civil investiga a hipótese de suicídio, mas familiares relatam que a vítima sofria ameaças da ex-namorada.

A polícia foi acionada por um motorista de patrola que passava na região do pontilhão da BR-163 e viu o corpo da mulher, identificada como Neusa Silva do Espírito Santo. A vítima morava no bairro Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. O sobrinho dela, de 15 anos, contou que ela foi ameaçada mais de uma vez e que a própria ex-namorada teria dito que se jogaria do mesmo lugar ou mataria a mulher no local.

Em cima do pontilhão foram encontrados uma jaqueta, R$ 55 dentro de um dos bolsos, um passe de ônibus e um isqueiro. Conforme a delegada Célia Maria Bezerra, do 4ª Delegacia de Polícia, o corpo não apresentava marca de agressão, somente ferimentos provocados pela queda.

A família acompanha o trabalho da perícia no local. O irmão da vítima estava no local e contou que não tinha muito contato com ela ultimamente. A polícia pedirá a CCR MSVia, concessionária responsável pela rodovia, imagens das câmeras instaladas na rodovia para que possam ajudar na investigação.

Fonte: www.campograndenews.com.br

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui