O ASSUNTO É PEDÁGIO Ontem à tarde a governadora Cida Borghetti determinou à Procuradoria Geral do Estado (PGE) que ingresse na Justiça com ação pedindo a suspensão da cobrança de pedágio em todo o Anel de Integração.

RAZÕES A medida se baseia nos fatos apurados pela Operação Integração, realizada pela força-tarefa Lava Jato, que indica manipulação dos contratos e dos preços das tarifas.

GRAVES A governadora frisa que as denúncias são graves e precisam ser investigadas a fundo. Enquanto isso ocorre, defende Cida, é justo que haja a suspensão da cobrança do pedágio.

MEDIDAS Desde o começo do seu governo, em abril, Cida Borghetti tomou decisões preventivas, afastando pessoas e criando um departamento de combate à corrupção.

EM JUNHO No mês de junho, a governadora do Paraná notificou formalmente as concessionárias do fim dos atuais contratos em 2021 e criou um grupo de trabalho para o processo de encerramento dos contratos.

TAMBÉM PEDIU O deputado estadual e candidato ao governo do Estado, Ratinho Junior, distribui nota registrando que requerimento ao Governo do Estado pedindo a extinção do contrato com a Econorte, em fevereiro do ano passado.

NULIDADE Ratinho pediu ainda a nulidade dos aumentos sucessivos na tarifa e encaminhou questionamentos ao Tribunal de Contas (TCE-PR) e para a Agência Reguladora do Paraná. (Agepar).

Fonte: http://blogs.odiario.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui